Rafael Nadal desiste de Wimbledon 2016 por conta de lesão

Espanhol anunciou nesta quinta-feira, que não estará apto a competir na grama inglesa por causa da lesão no punho

Rafael Nadal desiste de Wimbledon 2016 por conta de lesão
Rafael Nadal desiste de Wimbledon 2016 por conta de lesão/ Foto: Jean Catuffe/ Getty Images

Nesta quinta-feira (09), o bicampeão de Wimbledon - Rafael Nadal da Espanha - anunciou que não competirá na edição do torneio de 2016 por conta da lesão no punho que o tirou de Roland Garros duas semanas atrás. Esta será apenas a segunda vez que Rafa não participará do Major inglês. Em 2009, ele teve de se retirar da competição devido à uma lesão no joelho.

"Queria anunciar que, depois de consultar o meu médico e visto os resultados na última consulta, não poderei participar da próxima edição de Wimbledon. Como podem imaginar, é uma decisão triste, mas é a lesão sofrida no meu punho em Roland Garros precisa de tempo para melhorar. Agradeço a todos pelo apoio, sobretudo meus fãs, que sempre me enviam recados de carinho." declarou o espanhol em sua página no Facebook.

No último dia 27, Nadal havia anunciado a desistência de Roland Garros após ter conquistado duas vitórias em Paris. Na primeira rodada, perdendo apenas três games e jogando em um nível muito alto, o tenista da Espanha atropelou o australiano Sam Groth por triplo 6/1. Na sequência, teve outra performance impressionante e passou argentino Facundo Bagnis em sets diretos, com parciais de 6/3 6/0 e 6/3.

Nadal em ação em Roland Garros/ Foto: Dennis Grombkowski/ Getty Images
Nadal em ação em Roland Garros/ Foto: Dennis Grombkowski/ Getty Images

“É uma lesão que senti pela primeira vez há algumas semanas e que se tem vindo a agravar. Senti muitas dores, optei por jogar ontem, mas depois fiz um exame os resultados não foram nada positivos. O tendão não está rasgado, mas poderia fazer uma fratura de esforço nos próximos dias caso continuasse a jogar. É uma das conferências de imprensa mais duras da minha carreira” avaliou Rafa na época. 

Dias atrás, seu tio e técnino Toni Nadal, havia antecipado a provável ausência do sobrinho em Wimbledon, visando a preparação para as Olimpíadas do Rio 2016"Nós não marcamos uma data para sua volta porque não queremos colocar em perigo a participação de Rafael nos Jogos Olímpicos do Rio" declarou.

A melhor cobertura do tênis mundial, você acompanha na VAVEL Brasil.