Em jogo de cinco horas, Bruno Soares e Jamie Murray vencem e estão nas quartas de Wimbledon

Brasileiro e escocês ganham com 16/14 no quinto set para garantir vaga nas quartas de final do torneio

Em jogo de cinco horas, Bruno Soares e Jamie Murray vencem e estão nas quartas de Wimbledon
Soares e Murray em ação: Shaun Botterill/ Getty Images
Murray/ Soares
3 2
Pavic/ Venus

Nesta terça-feira (05), o tenista brasileiro Bruno Soares, jogando ao lado do escocês Jamie Murray, ganhou da dupla composta pelo croata Mate Pavic e o neozelandês Michael Venus por três sets a dois, com parciais de 6/3 7/6 4/6 4/6 e 16/14, em cinco horas e três minutos de partida. Com a vitória, a dupla campeã do Australian Open avançou à fase quartas de final do terceiro e mais tradicional Grand Slam da temporada, Wimbledon.

Com cinco horas e três minutos de duração, a partida entra na lista de jogos de duplas masculinas mais longas na história do tênis, que é liderada pelo confronto de Copa Davis entre Stan Wawrinka e Marco Chiudinelli da Suíça contra Tomas Berdych e Radek Stepanek da República Tcheca, quando os tchecos ganharam por três sets a dois, em sets horas e dois minutos.

Os adversários de Murray e Soares na próxima rodada serão os franceses Julien Benneteau e Edouard Roger Vasselin, que vem de vitória no quinto set sobre a dupla cabeça de chave número oito da competição formada pelo canadense Vasek Pospisil e o norte americano Jack Sock. Benneteau e Vasselin ganharam por três sets a dois, com parciais de 6/4 3/6 6/7 7/6 e 6/4, em três horas e 15 minutos.

"O jogo foi uma loucura. Já tinha feito um jogo assim, ou perto disso. Mas não é algo que estamos acostumados. Jogamos 5 sets na Davis ou só aqui mesmo em Wimbledon. É uma coisa diferente, mas felizmente estou muito bem fisicamente e estou aguentando bem. Até ontem se tivesse que continuar estava bem," analisou o brasileiro e completou: "O mais complicado é hoje, depois que a adrenalina baixa você começa a sentir o cansaço. Mas até que acordamos bem e por sorte, jogamos poucos games. O jogo foi bem rápido então vai dar para recuperar ainda mais para amanhã."

"É uma situação atípica, mas não tinha muito o que fazer. A gente estava tranquilo e agora é se preparar para a próxima pedreira e continuar contando com o apoio do público, que está deixando um ambiente na quadra muito legal." disse em relação ao jogo.

A melhor cobertura da 130ª edição do terceiro e mais tradicional Grand Slam do ano, Wimbledon, você acompanha na VAVEL Brasil.