Copa Davis: Itália e Argentina estão prontas para o duelo nas quartas

O primeiro confronto deverá ser entre o argentino Federico Delbonis e o italiano Andreas Seppi nessa sexta (15), em Pesaro, na Itália

Copa Davis: Itália e Argentina estão prontas para o duelo nas quartas
Copa Davis: Itália e Argentina estão prontas para o duelo nas quartas

Passado Wimbledon, agora as atenções estão voltadas para a Copa Davis. Nessa sexta (15), Itália e Argentina se enfrentam valendo vaga na semifinal da competição. Fognini e Seppi comandarão a Azurra, enquanto os argentinos terão o retorno de Del Potro e Monaco.

Seppi garante grande motivação para o duelo de estréia

A Azurra terá Fabio Fognini, 36° do ranking da ATP, e Andreas Seppi, 52° do mundo, a seu lado, que estão acostumados a disputar juntos vários torneios de duplas. E a equipe ainda contará com o experiente Paolo Lorenzi, 48° do mundo, e o ótimo sacador Marco Checchinato, 130° do ranking da ATP.

Seppi falou sobre o seu adversário de estreia, o que significa para ele Itália x Argentina e como espera ser o jogo depois da notícia de um mau tempo nessa sexta, "Delbonis é um grande jogador e eu teria preferido para jogar o segundo", disse o jogador de 32 anos de idade.

"Esse jogo é para mim o momento mais importante da temporada. Depois de jogar na grama é difícil adaptar-se ao chão, especialmente uma vez que não é a minha superfície favorita'', completou Seppi, perguntado sobre sua volta após um periodo conturbado de lesões.

Del Potro retorna a Copa Davis 

O duelo entre Argentina e Itália será marcando pelo retorno de Juan Martin Del Potro, atual 139° do mundo, a Competição. A última participação do argentino foi em 2012, contra a República Checa nas semifinais disputadas em Praga, onde a República Checa venceu a série por três a dois.

Outro retorno importante para a Argentina será o de Juan Monaco, 94° do ranking da ATP, que não disputa o torneio desde a primeira rodada em 2014, em Mar Del Plata. Porém Del Potro e Monaco tiveram 'sumiços' diferentes da equipe. Enquanto o primeiro preferiu se recuperar para voltar, Monaco esteve a disposição do técnico Daniel Orsanic o tempo todo.

A equipe será completada por Guido Pella, 51° do mundo, e atual campeão do Rio Open, e Federico Delbonis, 40° do ranking da ATP.
 

Itália 1 x 1 Argentina pela Copa Davis

Os dois países se enfrentaram na competição até hoje duas vezes. E curiosamente, cada um venceu o outro jogando fora de casa. Em 1983, jogando em Roma, Argentina levou a melhor e venceu de modo acachapante por cinco a zero, conquistando a vaga nas quartas. 31 anos depois, em 2014, a Itália deu o troco. Em Mar del Plata, na Argentina, a Azurra venceu por três a um e carimbou sua passagem para a fase semifinal da competição.

FICHA TÉCNICA DOS JOGOS

8/10/1983, Quartas de final, Roma.

Italia-Argentina 0-5

Vilas-Panatta: 6/2, 6/2 e 6/1 (3-0)
Clerc-Barazzutti: 12/10, 6/2, 7/9, 3/6 e 6/4 (3-2)
Clerc/Vilas-Bertolucci/Panatta: 7/5, 6/3 e 6/4 (3-0)
Vilas-Barazzutti: 6/3 e 6/1 (2-0)
Arguello-Cancellotti: 7/5 e 6/4 (2-0)

2/2/2014, Oitavas de finais, Mar del Plata.

Argentina-Italia 1-3

Berlocq-Seppi: 4/6, 6/0, 6/2 e 6/1 (3-1)
Fognini-Monaco: 7/5, 6/2 e 6/2 (3-0)
Bolelli/Fognini-Berlocq/Zeballos: 6/7(6), 7/6(8), 7/6(3) e 6/4 (3-1)
Fognini-Berlocq: 7/6(5), 4/6, 6/1 e 6/4 (3-1)