Copa Davis: Cilic e Dodig surpreendem irmãos Bryan e adiam decisão do confronto

Agora o confronto de quartas de final entre Estados Unidos e Croácia está em dois a um para os donos da casa, que perderam a chance de garantir a vitória

Copa Davis: Cilic e Dodig surpreendem irmãos Bryan e adiam decisão do confronto
Cilic e Dodig celebram vitória/ Foto: ITF/ Divulgação
Cilic/ Dodig
3 1
Bryan/ Bryan

Neste sábado (16), ocorreu o segundo dia de jogos das quartas de final do Grupo Mundial da Copa Davis de 2016. No confronto entre Estados Unidos e Croácia que ocorre em Portland, os donos da casa que liderava por dois a zero perderam a chance de garantir a vitória após a derrota de sua dupla por três sets a um.

Jogando em casa, a melhor dupla de todos os tempos composta pelos irmãos gêmeos Bob e Mike Bryan foram derrotados pela parceria croata entre Ivan Dodig e Marin Cilic por três sets a um, com parciais de 6/2 2/6 6/2 e 6/4, em duas horas e 16 minutos de jogo. Com a vitória, a equipe da Croácia garantiu uma sobrevida no confronto e terá de contar com as vitórias na simples no domingo (17), para sonhar com a semifinal da competição.

No terceiro e decisivo dia, John Isner - número um dos Estados Unidos - encara o croata Marin Cilic, que no primeiro jogo perdeu para Jack Sock de virada por três sets a dois, com parciais de 4/6 3/6 6/3 6/4 e 6/4, em três horas e 13 minutos. Na sequência, caso seja necessário, Sock enfrenta o jovem Borna Coric, que foi derrotado por Isner na sexta-feira (14) em sets diretos, com parciais de 6/4 6/4 e 6/3, em apenas uma hora e 59 minutos em quadra.

Derrotada no ano passado, a Croácia teve de disputar a repescagem justamente contra o Brasil, em confronto realizado no Costão do Santinho, em Florianópolis. No saibro catarinense, Borna Coric brilhou, e Ivan Dodig comandou uma vitória surpreendente nas duplas, botando a equipe novamente no Grupo Mundial. 

Enquanto isso, os americanos bateram o Uzbequistão em território adversário por 3 a 1, onde a estrela de Jack Sock brilhou mais forte: ele venceu duas vezes contra Istomin e Dustov para garantir a volta ao grupo mundial.

O vencedor do confronto terá pela frente nas semifinais o vencedor entre República Tcheca e França. A disputa acontece em Trinec, na casa dos tchecos, e está sendo liderado pelos franceses por dois a um depois da difícil vitória no jogo de duplas neste sábado.