ATP 250 de Kitzbuhel: Paolo Lorenzi supera Basilashvili e conquista o título

Italiano bateu o georgiano em sets diretos para conquistar o primeiro título da carreira

ATP 250 de Kitzbuhel: Paolo Lorenzi supera Basilashvili e conquista o título
Lorenzi celebra título/ Foto: ATP/ Divulgação
Paolo Lorenzi
2 0
Nikoloz Basilashvili

Neste sábado (23), o tenista italiano Paolo Lorenzi venceu Nikoloz Basilashvili da Geórgia por dois sets a zero, com parciais de 6/3 e 6/4, em uma hora e 23 minutos de jogo. Com a vitória, o tenista da Itália conquistou o primeiro título da carreira, o ATP 250 de Kitzbuhel, na Áustria.

Esta foi apenas a segunda final de Lorenzi durante seus 13 anos no circuito profissional da ATP. Em 2014, ele foi derrotado na decisão do ATP 250 de São Paulo - o Brasil Open - pelo argentino Federico Delbonis em três sets, com parciais de 4/6 6/3 e 6/4. Entre Futures e Challengers, o tenista da Itália possuía 36 conquistas.

Já para Basilashvili, foi sua primeira final da carreira. O tenista de 24 anos, já possuía 15 títulos entre ITF Futures e ATP Challenger, sendo o último deles o ATP Challenger de Heilbronn, na Alemanha, ao derrotar o tenista da casa Jan Lennard Struff em sets diretos, com parciais de 6/4 e 7/6.

Lorenzi foi superior ao seu adversário durante toda a partida. Nas estatísticas, o italiano venceu 79% dos pontos com seu primeiro serviço e 52% com o segundo, enquanto foi quebrado em duas ocasiões. Em comparação, o tenista da Geórgia ganhou apenas 52% dos pontos com seu primeiro saque e oito dos 16 com seu segundo. Além disso, teve seu serviço quebrado em cinco ocasiões.

O ATP 250 de Kitzbuhel, na Áustria, ocorreu entre os dias 18 e 23 de julho. O torneio distribuiu 250 pontos no ranking da ATP, além de 80 mil euros de premiação para o campeão. Entre os principais favoritos ao título estiveram o austríaco Dominic Thiem, o alemão Philipp Kohlschreiber, o espanhol Marcel Granollers, o italiano Paolo Lorenzi, o tcheco Lukas Rosol, o sérvio Dusan Lajovic, o espanhol Inigo Cervantes e o alemão Jan Lennard Struff.