Bellucci bate Napolitano e vai à final em Biella; Feijão leva a virada e está eliminado

Número um do Brasil venceu o tenista da casa por dois sets a um, já João Souza - o "Feijão" - foi eliminado pelo italiano Federico Gaio

Bellucci bate Napolitano e vai à final em Biella; Feijão leva a virada e está eliminado
Bellucci bate Napolitano e vai à final em Biella; Feijão leva a virada e está eliminado/  Foto: Fabio Lesca/ Divulgação

Neste sábado (30), ocorreram as partidas válidas pela fase semifinal do ATP Challenger de Biella, na Itália. Cabeça de chave número dois do torneio, o brasileiro Thomaz Bellucci venceu o tenista da casa Stefano Napolitano e está na final da competição, assim como o italiano Federico Gaio.

Na primeira partida do dia, João Souza - o "Feijão" - foi derrotado pelo italiano Federico Gaio - 213º colocado no ranking da ATP - por dois sets a um, de virada com parciais de 2/6 7/6 e 6/4, em longas duas horas e 33 minutos. Com a derrota, o ex-top 70 foi eliminado na semifinal do torneio. Apesar da derrota, com os pontos conquistados nesta semana, o brasileiro ganha 15 posições no ranking da ATP e será o 152º do mundo na próxima segunda-feira, com 349 pontos.

O paulista natural de Mogi das Cruzes vinha de grandes resultados nesta semana. Nas oitavas de final, Feijão havia vencido o cabeça de chave número um do torneio, Paolo Lorenzi da Itália por dois sets a zero, com parciais de 6/4 e 7/5, em uma hora e 31 minutos de jogo. Já nas quartas, eliminou o cabeça de chave número seis da competição, Andrej Martin da Eslováquia, em sets diretos, com parciais de 7/6 e 6/1, em duas horas de jogo.

Número um do Brasil, Thomaz Bellucci venceu de virada o italiano Stefano Napolitano de 21 anos e atual 256º colocado no ranking da ATP por dois sets a um, com parciais de 3/6 6/3 e 6/3, em duas horas e oito minutos. Com a vitória, Bellucci volta a uma final de Challenger depois de um mês, quando conquistou seu primeiro título da temporada no ATP Challenger de Braunschweig, na Alemanha. Em partida com muitos altos e baixos, ele venceu o espanhol Inigo Cervantes, 75 do ranking da ATP, por 2 sets a 1 com parciais de 6-1 1-6 6-3, em 1h41 de jogo.

O ATP Challenger de Biella, na Itália, ocorre entre os dias 25 e 31 de julho. O torneio distribui 110 pontos no ranking da ATP, além de cerca de 12 mil dólares de premiação para o campeão. Entre os favoritos ao título estão o italiano Paolo Lorenzi, o brasileiro Thomaz Bellucci, o sérvio Dusan Lajovic, o argentino Carlos Berlocq, o russo Karen Khachanov, o eslovaco Andrej Martin, o argentino Marco Trungelliti e o alemão Daniel Brands.