Relembre: Tênis nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008

Em 2008, Rafael Nadal e Elena Dementieva ficaram com o ouro na simples, nas duplas, Federer conquistou seu único ouro ao lado de Stan Wawrinka e as irmãs Williams dominaram novamente

Relembre: Tênis nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008
Federer e Wawrinka foram ouro em Pequim 2008/ Foto: Clive Brunskill/ Getty Images

Entre os dias cinco e 21 de agosto de 2016 acontece a 31ª edição dos Jogos Olímpicos. Neste ano, a competição mais importante do esporte mundial ocorre na Cidade Maravilhosa: o Rio de Janeiro. Neste especial preparado pela VAVEL Brasil, relembre os Jogos Olímpicos disputados há oito anos, na capital chinesa, Pequim.

Blake frustra Federer e Nadal fica com o ouro

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Em 2008, Roger Federer vivia o auge de sua carreira, sendo número um do mundo durante todo esse período. Sua hegemonia só vinha sendo ameaçada por um jovem espanhol: Rafael Nadal, que acabou levando o ouro nos Jogos Olímpicos de Pequim depois da derrota de Federer nas quartas de final para o norte americano James Blake.

Aos 22 anos, o espanhol já era o segundo colocado no ranking da ATP. Sem perder sets, Nadal atingiu a semifinal sem grandes dificuldades. Na sequência, diante do sérvio Novak Djokovic teve um pouco mais de trabalho, mas venceu em três sets, com parciais de 6/4 1/6 e 6/4. Na decisão encarou o surpreendente chileno Fernando Gonzalez, que eliminou James Blake. Em sets diretos, o "Toro Miúra" venceu com parciais de 6/3 7/6 e 6/3, para ficar com o ouro.

Russas dominam o pódio

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Assim como na chave masculina, diversas surpresas marcaram a competição de simples feminina. Sem a cabeça de chave número um - Ana Ivanovic - o torneio apresentou resultados surpreendentes. A principal favorita, Jelena Jankovic, acabou derrotada nas quartas de final pela russa Dinara Safina por dois sets a um, com parciais de 6/2 5/7 e 6/3. No outro lado da chave, a norte americana Serena Williams também foi eliminada pela russa Elena Dementieva.

Nas semifinais, Dementieva acabou levando a melhor sobre a compatriota Vera Zvonareva e enfrentaria Safina - que desbancara a tenista da casa, Li Na. De virada, Elena Dementieva ganhou por dois sets a um, com parciais de 3/6 7/5 e 6/3, para conquistar seu maior título da carreira.

Irmãs Williams vencem nas duplas

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Eliminadas nas quartas de final da chave de simples, as irmãs norte americanas Serena e Venus Williams puderam concentrar seu foco na disputa da chave de duplas. Ouro nas Olimpíadas de Sydney, na Austrália em 2000, as tenistas dos Estados Unidos venceram as ucranianas Alona Bondarenko e Kateryna Bondarenko por dois sets a um, com parciais de 4/6 6/4 e 6/1, para avançarem à decisão.

Na final, surpreenderam as espanholas Anabel Medina Garrigues e Virginia Ruana Pascual por dois sets a zero, com parciais de 6/2 e 6/0, para repetir a conquista de oito anos atrás, na Austrália.

Federer fica com o ouro ao lado de Wawrinka 

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Apesar da derrota na simples, Federer seguia vivo na chave de duplas, jogando ao lado do compatriota Stan Wawrinka, era o cabeça de chave número quatro do torneio. Focando somente nas duplas depois da eliminação, conquistou uma surpreendente vitória contra os principais favoritos, os irmãos gêmeos Bob e Mike Bryan dos Estados Unidos, nas semifinais por dois sets a zero, com parciais de 7/6 e 6/4.

Já na final, eles venceram os suecos Thomas Johansson e Simon Aspelin por três sets a um, com parciais de 6/3 6/4 6/7 e 6/3, para conquistar a medalha de ouro para a Suíça.