Marin Cilic surpreende Murray e conquista o Masters 1000 de Cincinnati; Melo é campeão nas duplas

Croata campeão de US Open em 2014, levantou o segundo maior título da carreira

Marin Cilic surpreende Murray e conquista o Masters 1000 de Cincinnati; Melo é campeão nas duplas
Cilic em ação/ Foto: Justin Sheldon/ WESTERN & SOUTHERN OPEN Divulgação
Andy Murray
0 2
Marin Cilic

Neste domingo (21), o tenista croata Marin Cilic venceu Andy Murray da Escócia por dois sets a zero, com parciais de 6/4 e 7/5, em uma hora e 34 minutos de jogo. Com a vitória, o tenista da Croácia conquistou o segundo maior título da carreira, o Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos.

Este foi o 16º título na vida de Cilic, que tinha como maior conquista até então o US Open de 2014, quando derrotou o japonês Kei Nishikori na decisão por três sets a zero, por triplo 6/3. Anteriormente, o tenista de 27 anos nunca havia chegado a uma final de Masters 1000, mas já possuía três decisões em torneios ATP 500, sem nenhum troféu.

No caminho para a final, o cabeça de chave número 12 venceu na estreia o sérvio Viktor Troicki. Na sequência passou pelo veterano Fernando Verdasco e pelo cabeça de chave número seis, o tcheco Tomas Berdych em três sets. Nas quartas de final, bateu o jovem croata Borna Coric e nas semis, ganhou do búlgaro Grigor Dimitrov por dois sets a um, com parciais de 4/6 6/3 e 7/5. Já Murray, ganhou na semifinal do canadense Milos Raonic - sexto colocado no ranking da ATP - por dois sets a zero, com parciais de 6/3 e 6/3, em uma hora e 30 minutos de jogo.

O tenista da Escócia vinha de 22 vitórias consecutivas, com os títulos dos Jogos Olímpicos Rio 2016, batendo na final o argentino Juan Martín del Potro em quatro emocionantes sets, e do último Grand SlamWimbledon ganhando de Raonic por três sets a zero, com parciais de 6/4 7/6 e 7/6, para ser bicampeão do torneio.

Melo e Dodig conquistam o título nas duplas

Na chave de duplas, depois de derrotar na semifinal a parceria composta pelos canadenses Daniel Nestor e Vasek Pospisil por dois sets a zero, com parciais de 6/4 e 6/1, o brasileiro Marcelo Melo, atuando ao lado do croata Ivan Dodig, se sagrou campeão do Masters 1000 de Cincinnati, ao vencer na final o holandês Jean Julien Rojer e o romeno Horia Tecau por dois sets a um, com parciais de 7/6 6/7 e 10/6, em uma hora e 53 minutos de jogo.