Wawrinka vence Verdasco e avança para a segunda rodada do US Open

Suíço bate espanhol e segue em busca de título inédito em sua carreira

Wawrinka vence Verdasco e avança para a segunda rodada do US Open
Wawrinka atacou do fundo da quadra com consistência. (Foto: Reuters)

O suíço número três do ranking, Stan Wawrinka, enfrentou no dia de hoje o espanhol, 46, Fernando Verdasco pela primeira rodada do US Open. Este foi o quinto confronto entre os dois com vantagem para o espanhol que conquistou três vitórias.

Wawrinka eliminou o tenista hispânico em sets diretos na rodada de estreia entre os dois tenistas com uma partida que teve 2h17 de duração. Terá agora como seu próximo adversário o italiano Alessandro Giannessi que eliminou o americano Denis Kudla em uma partida de cinco sets.

O primeiro set foi equilibrado e contou com nenhuma quebra de serviço. Wawrinka não ameaçou o saque em nenhuma oportunidade e o hispânico não aproveitou nenhuma das três oportunidades que teve durante a série. Assim, a partida se encaminhou o tie break onde o suíço venceu por 7 a 4 e abriu um set a zero na parcial.

Na segunda série, o detentor de dois Grand Slams foi muito firme com seu primeiro serviço perdendo apenas um ponto e alcançando a marca de 90% de eficiência. Com o segundo saque foi também melhor que seu adversário e pontuou em 73% das oportunidades contra 50%. O suíço teve vantagem em bolas vencedoras, 10 a nove e cometeu menos erros não forçados, seis a 14.

A única quebra que Wawrinka conseguiu no set foi suficiente para ampliar sua vantagem no placar e colocar dois sets a zero e 6 a 4 na parcial.

Não diferente da segunda série, o tenista do top 5 precisou novamente de apenas uma quebra para vencer o set em 6 a 4 e liquidar a partida em três sets a zero. O espanhol teve uma chance de quebra na parcial, mas não conseguiu converte-la. Stan cometeu mais erros não forçados, 13 a oito, mas disparou mais bolas vencedoras que o Verdasco, 10 a nove.

Wawrinka defende a semifinal do torneio americano onde foi eliminado na última edição pelo seu compatriota Roger Federer.