Challenger de Medellín: Caio Zampieri supera Rogerinho e encara Bagnis na decisão

Na Colômbia, brasileiro derrotou o cabeça de chave número três e terá pela frente o algoz de Feijão na final

Challenger de Medellín: Caio Zampieri supera Rogerinho e encara Bagnis na decisão
Zampieri celebra vitória/ Foto: Divulgação/Claro Open Medellín
Caio Zampieri
2 1
Rogério Dutra Silva

Nesta sexta-feira (30), ocorreram os jogos válidos pela fase semifinal do ATP Challenger de Medellín, na Colômbia. No confronto brasileiro, Caio Zampieri surpreendeu o cabeça de chave número três, Rogério Dutra Silva, por dois sets a um e garantiu vaga em sua segunda final de Challenger na carreira. Seu adversário na decisão será o argentino Facundo Bagnis, que eliminou João Souza, o "Feijão".

Número sete do Brasil e atual 352º colocado no ranking da ATP, Caio Zampieri venceu seu compatriota Rogério Dutra Silva por dois sets a um, com parciais de 3/6 7/6 e 6/2, em duas horas e dois minutos de jogo. Com a vitória, o brasileiro se classificou à final do torneio. Aos 30 anos, esta será a segunda decisão de torneios Challenger na carreira de Zampieri que, em 2011, foi finalista em Campinas, mas acabou derrotado pelo argentino Maximo Gonzalez por dois sets a zero, com parciais de 6/3 e 6/2.

“Foi um grande jogo, sabia que seria um jogo muito duro e decidido nos detalhes, ganhei um ponto só a mais que ele e acabei vencendo o jogo. Estou muito feliz com a final, estava precisando de uma semana assim para ficar motivado” comemorou o brasileiro.

Na outra semifinal, o argentino Facundo Bagnis - 92º do mundo - derrotou o brasileiro João Souza, o "Feijão", por dois sets a um, com parciais de 5/7 6/2 e 6/2, em exatas duas horas em quadra. Esta será o quinto encontro entre os dois em partidas válidas pelo circuito profissional da ATP. Em quatro jogos, o argentino venceu todos. No último confronto entre ambos, Facundo ganhou nas quartas de final do ATP Challenger de Santiago de 2015, no Chile, por dois sets a um, com parciais de 2/6 6/3 e 6/2.

“Estava jogando bem no início da temporada (fez semifinal no ATP Challenger de Leon em abril), depois tive alguns problemas extra quadra, mas direcionei o momento ruim que tive pessoalmente para me focar mais no tênis e treinar mais. Isso me ajudou e agora estou feliz. Amanhã é a final, tenho que ir pra cima e jogar confiante” analisou Zampieri.

Esta semana vem sendo uma das melhores na carreira de Caio, que na estreia bateu o sueco Christian Lindell em sets diretos, por duplo 6/3. Na sequência, ganhou do ex-top 70, o tenista da casa, Alejandro Gonzalez, por dois sets a zero, com parciais de 7/5 e 6/4. Nas quartas, venceu o ex-top 50, Alejandro Falla, por dois sets a um, com parciais de 7/6 6/7 e 6/2, em duas horas e 17 minutos.

O ATP Challenger de Medellín, na Colômbia, ocorre entre os dias 24 de setembro e dois de outubro. A melhor cobertura do tênis mundial, você acompanha na VAVEL Brasil.