Andy Murray vence Bautista Agut em sets diretos e é tricampeão do Masters 1000 de Xangai

Escocês cabeça de chave número dois bateu algoz de Novak Djokovic por dois sets a zero para conquistar o torneio pela terceira vez na carreira

Andy Murray vence Bautista Agut em sets diretos e é tricampeão do Masters 1000 de Xangai
Murray comemora vitória/ Foto: ATP/ Divulgação
Andy Murray
2 0
Roberto Bautista Agut

Neste domingo (16), ocorreu o sétimo e último dia de jogos válidos pelo Masters 1000 de Xangai, na China. Cabeça de chave número dois do torneio, o escocês Andy Murray venceu Roberto Bautista Agut da Espanha por dois sets a zero, com parciais de 7/6 e 6/1, em uma hora e 36 minutos de jogo. Com a vitória, o vice-líder do ranking da ATP conquistou o tricampeonato da competição.

Veja como foi a partida na transmissão ao vivo da VAVEL Brasil

Este foi o 13º título de torneios da série Masters 1000 na carreira de Murray, sendo o terceiro somente em Xangai. Em 2010, derrotou o suíço Roger Federer na final por dois sets a zero, com parciais de 6/3 e 6/2. Já no ano seguinte, bateu o espanhol David Ferrer em sets diretos. No ano, o tenista da Escócia já havia levantado o título do Masters 1000 de Roma, na Itália, em cima do sérvio Novak Djokovic.

Com o título, Andy soma 640 pontos no ranking da ATP, totalizando 10485 pontos. O número um do mundo continua sendo Djokovic, com 2415 pontos a mais que o escocês. Já Bautista Agut ganhou 555 pontos no ranking mundial e será o 13º colocado na próxima segunda-feira - seu melhor resultado na carreira.

Murray não perdeu sets durante o torneio

No caminho para a final, Murray bateu o norte americano Steve Johnson em sets diretos, com parciais de 6/3 e 6/2, em uma hora e 14 minutos. Nas oitavas de final, eliminou Lucas Pouille da França por dois sets a zero, com parciais de 6/1 e 6/3, em uma hora e 17 minutos de jogo. Nas quartas, passou por David Goffin da Bélgica por dois sets a zero, com parciais de 6/2 e 6/2, em uma hora e 35 minutos de jogo. Já na semi, derrotou Gilles Simon da França por dois sets a zero, com parciais de 6/4 e 6/3, em uma hora e 43 minutos de jogo.

O escocês vinha de título no ATP 500 de Pequim, na China, ao derrotar na decisão o búlgaro Grigor Dimitrov por dois sets a zero, com parciais de 6/4 e 7/6, em uma hora e 57 minutos.

Sock e Isner vencem nas duplas

Na chave de duplas, os norte americanos Jack Sock e John Isner venceram o finlandês Henri Kontinen e o australiano John Peers por dois sets a zero, com parciais de 6/4 e 6/4, em uma hora e 32 minutos para conquistar o título.

O Masters 1000 de Xangai, na China, ocorreu entre os dias nove e 16 de outubro. O torneio distribuiu 1000 pontos no ranking, além de mais de um milhão de dólares para o campeão. O atual vencedor era o sérvio Novak Djokovic. A melhor cobertura do tênis mundial, você acompanha na VAVEL Brasil.