Stan Wawrinka passará por cirurgia no joelho e fica fora do restante da temporada

Suíço perderá US Open, último Grand Slam da temporada; atual campeão, Stan não conseguirá defender pontos do torneio norte-americano

Stan Wawrinka passará por cirurgia no joelho e fica fora do restante da temporada
(FOTO: Steven Paston/PA Images via Getty Images)

A bruxa está solta no circuito da ATP. Após Novak Djokovic anunciar que perderá o restante da temporada para tratar lesão no cotovelo, outro tenista top5 do mundo anunciou que não voltará às quadras antes de 2018: Stan Wawrinka.

O suíço de 32 anos, dono de três títulos de Grand Slam, foi eliminado logo na primeira rodada de Wimbledon, acusando fortes dores no joelho. Na última semana, o atual número 4 do mundo confirmou que não participaria dos próximos Masters 1000 do calendário: Montréal e Cincinatti, visando se recuperar para disputar o último grande torneio da temporada, o US Open.

+ Brigando pelo número 1, Roger Federer confirma participação no Masters 1000 do Canadá

Todavia, após deliberar com seu staff e médicos, Stan Wawrinka optou pelo procedimento cirúrgico e total afastamento das quadras durante o restante da temporada de 2017. Em sua página oficial do Facebook, o tenista suíço se pronunciou sobre a decisão.

"Estou triste em anunciar que, após conversar com meu staff e médicos, tomei a decisão de passar por procedimento cirúrgico em meu joelho. Esta foi a única solução possível para que eu pudesse voltar a competir em alto nível pelos próximos anos. Obviamente, tudo isso é extremamente decepcionante, mas já estou olhando à frente, planejando minha recuperação", declarou Stan.

Stan Wawrinka aproveitou o comunicado para agradecer o carinho de seus fãs e todo o apoio que tem recebido desde a confirmação de sua lesão: "Gostaria de aproveitar essa oportunidade para agradecer meus fãs por me enviarem tantas mensagens de carinho nos últimos dias. Vejo vocês em 2018!", finalizou.

Por ser o atual campeão do slam norte-americano, o suíço defenderia neste ano os dois mil pontos conquistados em 2016. Sua ausência no torneio deverá, portanto, promover uma grande mudança no ranking da ATP.

Tênis