Ainda sem perder sets no US Open, Pablo Carreño Busta elimina Schwartzman e avança à semifinal

Vivendo grande momento, espanhol domina argentino e vence com propriedade; próximo adversário sairá do duelo entre Querrey e Anderson

Ainda sem perder sets no US Open, Pablo Carreño Busta elimina Schwartzman e avança à semifinal
(Foto: Timothy A. Clary/AFP/Getty Images)
Pablo Carreño Busta
3 0
Diego Schwartzman

No início da tarde desta terça-feira (5), a quadra Arthur Ashe recebeu o primeiro duelo de quartas de final da chave masculina. Em quadra, Pablo Carreño Busta e Diego Schwartzman duelaram por uma vaga inédita nas semifinais do Grand Slam norte-americano.

Jogando com muita confiança e intensidade, o espanhol precisou de apenas 1h50 para eliminar um irreconhecível Schwartzman, com parciais de 6-4 6-4 e 6-2. Carreño Busta segue com sua campanha "perfeita", ainda sem perder sets no Major norte-americano.

Esta é a primeira semifinal de Grand Slam da carreira do espanhol. Seu melhor resultado até então, havia sido quartas de final em Roland Garros 2017. Carreño Busta aguarda a definição de seu próximo adversário, que sairá do duelo entre o tenista da casa Sam Querrey e o sul-africano Kevin Anderson.

Resumo do jogo

(Foto: Elsa/Getty Images)

Conhecidos pela solidez do fundo de quadra, os dois tenistas começaram a partida de jeitos opostos. Enquanto o espanhol demonstrava a mesma confiança das rodadas anteriores, Diego se apresentava mais impaciente e errático, arriscando demais e tentando encurtar os pontos.

Aproveitando-se da impaciência do rival, Carreño Busta conquistou duas quebras na parcial, abrindo confortável vantagem de 5-2. Servindo pro set, o espanhol não jogou bem e foi quebrado, recolocando Schwartzman na partida. O argentino chegou a diminuir o prejuízo para 5-4, mas viu o rival sacar bem e fechar em 6-4.

No segundo set, Schwartzman deu sinais de ter sentido a derrota na primeira parcial, jogando muito mal o terceiro game e cedendo, sem resistência, a quebra de saque. Percebendo o jogo escapar das mãos, o argentino reagiu e devolveu imediatamente, igualando em 2-2. A partir daí, o jogo melhorou de nível, com mais trocas e rallys.

No oitavo game, Diego teve a chance de abrir 5-3 e sacar pro jogo. O argentino chegou a ter um triplo break point, mas viu o rival jogar demais e salvar todos eles. A oportunidade perdida mexeu com Schwartzman, levando-o a jogar mal no game seguinte e ceder nova quebra, perdendo novamente a parcial por 6-4.

Totalmente fora de jogo, Diego abriu o terceiro set sendo quebrado de zero, facilitando a tarefa de seu adversário. Durante a parcial, o argentino teve novo 0-40 a favor, entretanto, mais uma vez, o espanhol fechou todas as portas e confirmou seu serviço. Liderando por 4-2, Carreño Busta foi pra cima e conseguiu nova quebra, precisando apenas sacar para garantir seu lugar na semifinal do US Open: 6-2.

Estatísticas da partida

  • Aces: 7 x 4
  • Winners: 30 x 21
  • Erros não-forçados: 30 x 35
  • Break points: 6/8 (75%) x 2/10 (20%)
  • Total de pontos ganhos: 97 x 72