Vandeweghe surpreende Pliskova e encara Keys em sua primeira semi de US Open

Ao desbancar a tcheca, a norte-americana também tira dela o posto de número um do mundo, que agora vai para Muguruza

Vandeweghe surpreende Pliskova e encara Keys em sua primeira semi de US Open
Foto: WTA/Divulgação
Coco Vandeweghe
2 0
Karolina Pliskova

As tenistas da casa garantiram a hegemonia norte-americana nas semifinais do US Open 2017. Com a vitória de Coco Vandeweghe (#22) sobre Karolina Pliskova (#1), nesta quarta-feira (6), três das quatro vagas ficaram com as tenistas da casa - Sloane Stephens e Venus Williams se enfrentarão na outra semifinal.

*Atualização: A vitória de Madison Keys (#16) sobre Kaia Kanepi (#418) por um duplo 6-3 na rodada noturna selou quatro norte-americanas no páreo pelo título. Keys é a adversária de Vandeweghe na semifinal.

Coco fez um grande jogo e superou Pliskova em sets diretos, parciais de 7-6(4)/6-3, em 1h37 de disputa. Ela volta a repetir seu melhor resultado em um Grand Slam, que era a semifinal no Australian Open deste ano. Vandeweghe também chegou às quartas de Wimbledon nesta temporada.

LEIA MAIS: Venus supera Kvitova e está de volta à semifinal do US Open após seis anos

Com esta eliminação, Pliskova perde o posto de número um do mundo para Garbiñe Muguruza e pode descer para a quinta posição, caso Venus vença o torneio.

O jogo

A partida envolvia jogadoras de saque potente, portanto, se esperava uma partida longa e de poucas quebras. Entretanto, esse estilo de jogo abriu margem para muitas oscilações de ambas as partes por causa da dificuldade de se manter o ritmo pesado.

Coco começou melhor e foi a primeira a sair em vantagem ao tomar o saque de Pliskova logo no terceiro game. A tcheca seguiu sem ameaçar o serviço da norte-americana até o oitavo game, quando contou com a oscilação de Vandeweghe para se igualar à ela (4-4). Aproveitando-se do momento da norte-americana, Pliskova teve o set point no 4-5, mas a parcial se encaminhou para o tie-break. Neste, Coco recuperou o ritmo e conquistou uma mini-quebra providencial logo no primeiro ponto.

As oscilações prosseguiram na segunda parcial. Coco veio confiante da vitória na primeira e conquistou uma quebra já no quarto game (3-1). Sacando para ampliar, perdeu seu serviço, mas acabou retomando a quebra de vantagem logo em seguida (4-2) e não a perdeu. Em seu segundo match point, Vandeweghe fechou com 6-3.

US Open, nos Estados Unidos, ocorre entre os dias 28 de agosto e 10 de setembro. A atual campeã é a alemã Angelique Kerber. O melhor do tênis mundial, você acompanha na VAVEL Brasil.