Challenger de Cali: Clezar vence mais uma e duplas de brasileiros avançam

Clezar tem jogo relativamente longo, mas se impõe nos pontos chave e vence. Nas duplas, Romboli, Neis e De Paula passam e estão nas semis do torneio colombiano

Challenger de Cali: Clezar vence mais uma e duplas de brasileiros avançam
Foto: CBT / Divulgação

O Club Campestre de Cali recebe nesta semana o Milo Open, torneio de nível Challenger da ATP. O evento na cidade colombiana teve os jogos de oitavas de final da chave de simples e de quartas das duplas nesta quarta (18). Na simples, único brasileiro sobrevivente é Guilherme Clezar, que venceu novamente. Na chave de duplas, todos os brasileiros seguem para as semifinais.

CLEZAR, DELBONIS E GONZÁLEZ AVANÇAM

Guilherme Clezar teve na oitavas o adversário chileno Christian Garin, que dificultou bem o jogo. Apesar disso, o brasileiro conseguiu sobrepor seu jogo nos pontos decisivos. Com placar de 7/5 e quebra no 12º e desivivo game, e 7/6 no 2º set, Clezar assegurou vaga nas quartas do torneio após 1h51 de jogo.

O argentino Federico Delbonis, cabeça 2 da chave de simples, teve pela frente o algoz de Feijão na 1º rodada, o espanhol Iñigo Cervantes. Apesar de seu bom jogo em saibro, Delbonis fez valer seu melhor ranking e também jogo, vencendo por 7/6 e 6/3.

Já o local Alejandro González teve mais trabalho para bater o argentino Juan Ignacio Londero. Em sets, marcou 6/4, 4/6 e 6/3 para avançar às quartas em Cali.

EUROPEUS SEGUEM NO TORNEIO

Os espanhóis Jaume Munar e Roberto Carballés Baena venceram em sets e rápidos seus adversários. Munar despachou o português João Domingues por 6/1 e 6/3, enquanto Baena venceu o compatriota Mario Vilella Martínez por 7/6 e 6/0.

O cabeço 8 da chave e eslovaco Andrej Martin passou com facilidade pelo argentino Federico Coria por 6/3 e 6/0. Já o cabeça 7, espanhol Ricardo Ojeda Lara foi eliminado também de maneira rápida pelo esloveno Blaz Rola, levando 1/6 e 3/6.

Cabeça 5 de simples, o austríaco Gerald Melzer também fez jogo rápido contra o luso Gonçalo Oliveira. Em apenas 47 minutos de total de jogo, marcou 6/2 e 6/0 e assim selou sua vaga nas quartas.

DUPLAS BRASILEIRAS VENCEM

Fernando Romboli joga em Cali ao lado do argentino Franco Agamenone, e nesta quarta eles entraram na Cancha 1 com um desafio e tanto: jogar contra os experientes Daniel Muñoz De La Nava, da Espanha, e o dominicano Victor Estrella Burgos. Apesar da dificuldade, venceram de virada: 5/7, 6/2 e 10-5 no super tie break do 3º set.

Fabiano De Paula tem como parceiro o espanhol Cervantes, e eles venceram com jogo preciso e em sets diretos o boliviano Hugo Dellien e o equatoriano Roberto Quiroz por 6/3 e 6/4.

Fabricio Neis está ao lado do peruano Sergio Galdós, e ambos são cabeças de chave 1 das duplas. Eles tiveram os espanhóis Baena e Carlos Gomez-Herrera pela frente, e venceram bem, marcando 6/3 e 6/2.

O outro jogo da chave foi entre os cabeças 2: Miguel Angel Reyes Varela, do México, e salvadorenho Marcelo Arévalo, contra os colombianos Daniel Elahi Galán e Carlos Salamanca. Mesmo jogando na Cancha Central, o placar de 6/4 e 6/3 foi aplicado pelos cabeças de chave.