Sorgi perde e República Dominicana abre vantagem contra Brasil na Davis

Tenista brasileiro foi derrotado por Jose Hernandez-Fernandez em sua estreia em Copa Davis

Sorgi perde e República Dominicana abre vantagem contra Brasil na Davis
Paulista em ação durante confronto (Foto: ERIKA SANTELICES/ AFP)
João Pedro Sorgi
1 2
Jose Hernandez-Fernandez

Entre os dias dois e três de fevereiro, ocorrem os confrontos válidos pela primeira rodada do Grupo Americano 1 da Copa Davis de 2018. Nesta sexta-feira (2), o tenista brasileiro João Pedro Sorgi foi derrotado pelo dominicano Jose Hernandez-Fernandez na partida de abertura do duelo entre Brasil e República Dominicana, que ocorre em Santo Domingo, na capital do país.

A vitória do tenista da casa foi pelo placar de dois sets a um, com parciais de 2/6 6/4 e 7/6, em duas horas e 16 minutos de confronto. Com esse resultado, a nação da América Central conquistou o primeiro ponto no confronto. Ainda nesta sexta, ocorre o segundo jogo de simples, no qual o raquete número um do Brasil, o cearense Thiago Monteiro, encara Roberto Cid - 468º do mundo.

No sábado, ocorrem mais três partidas: nas duplas, Marcelo Melo e Marcelo Demoliner tem pela frente os dominicanos Nick Hardt e Jose Olivares. Na sequência, Monteiro desafia Hernandez-Fernandez e, para fechar, Sorgi enfrenta Cid.

Resumo da partida

O jogo começou equilibrado, com ambos tenistas confirmando seus games de serviço com certa tranquilidade. A primeira chance de quebra foi para o lado brasileiro, no quinto game, mas acabou sendo salva por Hernandez-Fernandez. Recuperando-se, o dominicano conquistou o break no game seguinte. Cada vez mais confiante, quebrou o saque do adversário mais uma vez para fechar o set em 6/2.

A segunda parcial começou como a anterior, com o tenista da casa ameaçando o brasileiro. Em um momento de desconcentração do adversário, João Pedro conseguiu a quebra no quinto game e manteve-a, salvando três break points. Sacando bem, venceu o segundo set por 6/4 para empatar a partida.

O terceiro set foi extremamente acirrado. Depois de uma quebra para cada lado logo no início, o empate manteve-se no placar até o tiebreak - no 12º game, Sorgi ainda salvou um match point. No entanto, esse foi completamente dominado por Hernandez-Fernandez, que fechou em 7/3.

O melhor do tênis mundial, você acompanha na VAVEL Brasil.