No retorno às quadras, Bellucci perde para Estrella Burgos na estreia em Quito

Brasileiro é derrotado pelo dominicano pelo quarto ano consecutivo

No retorno às quadras, Bellucci perde para Estrella Burgos na estreia em Quito
Bellucci é superado na estreia em Quito (Foto: Silvia Lore/NurPhoto via Getty Images)
Thomaz Bellucci
1 2
Vitor Estrella Burgos

Afastado há cinco meses para cumprir suspensão em virtude de um exame positivo no controle anti-doping, Thomaz Bellucci voltou às quadras nessa segunda-feira (05) em jogo válido pelo ATP 250 de Quito. A estréia se deu logo contra Victor Estrella Burgos, campeão das três edições anteriores do torneio e algoz contumaz do paulista no Equador.  O maior tenista da história da República Dominicana derrotou o brasileiro em três sets, parciais de 4/6, 6/4 e 6/2, em 1h 55 de jogo. Foi a quinta derrota de Thomaz diante de Burgos, a quarta consecutiva em Quito -- onde havia sido superado pelo mesmo adversário na final de 2016, e nas semifinais de 2015 e 2017.

Os dois tenistas tiveram um início inseguro e com muitos erros. O dominicano tirava o peso da bola, usando o slice contra o forehand do adversário; o brasileiro, por sua vez, atacava o revés simples de Estrella e apresentava uma novidade tática, as subidas mais constantes à rede.

O primeiro set foi marcado por quebras de lado a lado. Belluci predominou sobre o saque do rival no décimo game e venceu a parcial. O brasileiro atuou melhor durante a maior parte da série seguinte, mas a disputa permaneceu saque a saque. O paulista jogou mal o nono game e deu a Estrella Burgos a oportunidade de servir para o set. O dominicano ainda salvou três break-points antes de empatar a partida.

No set decisivo, Thomaz apresentou o velho e recorrente problema de queda de intensidade. O tricampeão quebrou o primeiro game de serviço do brasileiro, confirmou o saque e teve chances de abrir três a zero. Com um slice que se alongou para fora, Bellucci perdeu o quinto game e ficou duas quebras atrás do dominicano, que administrou bem a situação e avançou no torneio.

Burgos enfrenta agora o vencedor do confronto entre o italiano Marco Cecchinato e o austríaco Gerald Melzer. O tenista, de 37 anos de idade e atual número 86 do ranking, mantém sua invencibilidade na capital equatoriana, em cujas quadras já acumula 16 vitórias consecutivas.

Bellucci, por sua vez, continua sem vencer desde julho de 2017. O paulista -- que já foi 21° do mundo, e agora ocupa a 108° posição --, deve cair ainda mais no ranking da ATP, já que defendia 90 pontos da semifinal do ano passado.