Lipe não aceita redução de salário e deixa Vôlei Taubaté após duas temporadas
(Foto: Matheus Adler/VAVEL Brasil)

A incógnita sobre a renovação de contrato do ponteiro Lipe com o Vôlei Taubaté, teve fim nesta quarta-feira (20). Em entrevista ao portal GloboEsporte.com, o supervisor da equipe, Ricardo Navajas, afirmou que o vínculo não será estendido, pelo fato do jogador não ter aceitado uma redução salarial, tendo em vista que o time passa por cortes no investimento.

"Conversamos com ele sobre valores e tivemos que passar por um corte no investimento do time. Essa redução seria entre 10 e 15%. Fizemos uma proposta em que teríamos que cortar os salários dele. Ele disse que não tinha interesse e preferiu negociar com outros clubes. Está ok. Não vamos conseguir manter o mesmo orçamento e com isso está liberado", declarou o dirigente.

Até o momento, o Taubaté fechou contrato com quatro reforços: o central Eder e o oposto Wallace, ambos ex-Cruzeiro, além do líbero Mário Júnior e do levantador Danilo Gelinski. A equipe do Vale do Paraíba também renovou contrato com o ponteiro Lucarelli, Raphael, que é levantador, com os centrais Mesa e Otávio e com o técnico Cézar Douglas. Sobre o substituto de Lipe, Navajas revelou que irá buscar jogadores fora do país.

"Estamos vendo jogadores estrangeiros. Analisando vídeos e, principalmente, valores. Hoje no Brasil não tem muita oferta. O mercado está reduzido, muitos estão com clube, por isso estamos vendo atletas de fora. (...) O que está acontecendo agora é uma administração diferente. Temos que investir na garotada, formar um time mais novo, até porque o mercado inflaciona. Isso faz parte", afirmou o supervisor.

Atualmente com 32 anos, Lipe defendeu o Taubaté por duas temporadas, após atuar pelo voleibol polonês e turco. Pela equipe do Vale do Paraíba, o ponteiro foi bicampeão Paulista, conquistando também a Copa Brasil. 

VAVEL Logo