Levantadores e líderes: capitães William e Rapha exaltam duelo da final da Superliga
Foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

Cruzeiro e Taubaté entram em quadra no domingo (7), no ginásio Mineirinho, em Belo Horizonte/MG, para disputar a final da Superliga Masculina de Vôlei 2016/17. Na tarde desta quinta-feira (4), os capitães e levantadores William, do time celeste, e Raphael, da equipe alviazul, concederam entrevista coletiva, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), para comentar sobre a expectativa da grande decisão.

Peça chave do Cruzeiro, William avaliou a final de domingo como a melhor dos últimos sete anos - o Cruzeiro esteve nas últimas sete finais. Segundo o levantador, ambas as equipes têm potencial para realizar um jogo inesquecível.

Nosso jogo será complicado, pois o Taubaté é uma excelente equipe, tem grandes jogadores, e nessa fase final cresceu demais, estão jogando muito bem. Quem ganha são os espectadores e todos que gostam do vôlei. Dessas sete finais, essa é a melhor decisão, tecnicamente falando. Para mim é aproveitar a oportunidade de disputar mais uma final, dentro de casa, ao lado da nossa torcida, que faz a diferença, ainda mais diante de uma equipe como a do Taubaté. O foco está em nós agora. Cabe a todos fazer um bom jogo e que vença o melhor”, disse.

William também destacou o fato de o Cruzeiro ter chegado à sétima final consecutiva. “O time foi montado para isso. O campeonato foi longo, bem disputado e fizemos uma das melhores temporadas. Isso nos enche de confiança para domingo”, ressaltou.

William está indo para sua sétima final consecutiva de Superliga com o Cruzeiro (Foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV)

Já Raphael, que ajudou a levar o Taubaté à sua primeira final de Superliga, enalteceu a evolução do grupo para poder avançar à decisão no Mineirinho.

Para nós de Taubaté é um orgulho estarmos disputado nossa primeira final. Eu, particularmente, fico muito feliz por fazer parte desse projeto desde o começo. Essa foi nossa temporada mais significativa, não só porque alcançamos nossa primeira decisão de Superliga, mas pelo amadurecimento do projeto. É um prazer enorme fazer parte desse espetáculo, depois de tanto tempo fora do Brasil”, acentuou o atleta, relembrando sua passagem pela Europa.

Rapha defende o Taubaté na primeira decisão de Superliga do time paulista (Foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV)

As equipes vão fazer treinos no palco da final até o dia da decisão. Nesta quinta (4), a partir de 18h, é a vez dos paulistas, enquanto os mineiros realizam seus trabalhos no Mineirinho nesta sexta (5) e neste sábado (6).

Atletas estavam ao lado de seus treinadores, Marcelo Mendez e Cezar Douglas (Foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV)
VAVEL Logo