Paulo Coco admite dificuldade, mas mantém confiança em título da Superliga: "Ainda está aberto"
Foto: Alexandre Loureiro/Inovafoto/CBV

Paulo Coco admite dificuldade, mas mantém confiança em título da Superliga: "Ainda está aberto"

Técnico do Praia Clube afirmou que equipe precisa repensar e corrigir os erros cometidos no primeiro duelo da decisão, contra o Rio

ribeiirofelipe
Felipe Targino

O resultado do primeiro duelo entre Rio de Janeiro x Praia Clube pela decisão da Superliga Feminina não foi satisfatório para as visitantes. O time mineiro foi envolvido pelo adversário carioca e acabou derrotado por 3 sets a 1 (26/24, 25/19, 22/25 e 25/17) no ginásio Arena Carioca 1, na manhã deste domingo (15). Agora, a equipe vai precisar vencer o próximo jogo para levar a decisão para o golden set e conquistar o título inédito do torneio.

Em entrevista após a partida, o técnico Paulo Coco admitiu a dificuldade, mas demonstrou confiança na equipe mineira. "É um alento que a gente tem a final em dois jogos. Eles deram um passo muito importante, a primeira vitória é muito significativa, mas a gente tem a possibilidade de jogar em casa e buscar o campeonato, que ainda está aberto. Ficou mais difícil, temos que ganhar dois jogos dentro de um praticamente, são quatro sets no mínimo. A dificuldade é grande, a gente passou por muitas dificuldades durante a temporada e conseguimos dar a volta por cima, agora vamos trabalhar para isso acontecer em Uberlândia."

Ao analisar a partida, o técnico frisou a qualidade do adversário e destacou os erros do Praia Clube. "A consistência do jogo deles, o volume de jogo na defesa, erraram pouco, menos do que a gente. Aproveitaram para explorar o nosso bloqueio, nós só conseguimos igualar o volume no terceiro set, não por coincidência nós vencemos a parcial. A gente sabe que o time deles tem grande volume, a gente precisa igualar ali para nosso ataque e bloqueio poder levar vantagem. Nosso contra-ataque teve bem aquém do deles, diferença grande, eles tiveram mais lucidez, encaramos muito o bloqueio do Rio, isso me desagradou. Precisamos ser mais consistentes."

 Segundo Paulo Coco, é necessário refletir sobre e pensar pouco a pouco para poder conquistar a taça de campeão. "Agora é momento de acalmar um pouco, fazer uma reflexão em cima do que aconteceu  na partida, corrigir os erros que cometemos nesse jogo. Olhar principalmente o nosso sistema defensivo, de que maneira podemos trabalhar melhor. O nosso bloqueio que propiciou muito o ataque do lado deles levar vantagem, alguns detalhes que precisamos ajustar pensando na partida. Temos que pensar ponto a ponto, jogamos a Superliga pensando jogo a jogo e precisamos continuar fazendo isso. Não adiantar pensar no golden set e esquecer da partida."

A segunda partida entre Praia Clube e Rio de Janeiro acontece no próximo domingo, às 9h10, no Ginásio Sabiazinho, em Uberlândia.  Se vencer novamente, o Sesc Rio será declarado campeão. No entanto, se a vitória for do Praia Clube, independentemente do placar, o título será definido no super set, decidido logo após a partida. 

VAVEL Logo

Vôlei Notícias

há um dia
há 3 dias
há 3 dias
há 3 dias
há 4 dias
há 5 dias
há 7 dias
há 7 dias
há 8 dias
há 8 dias
há 9 dias