Implacável, Vakifbank derrota Minas e conquista seu terceiro Mundial
Divulgação/FIVB 

Implacável, Vakifbank derrota Minas e conquista seu terceiro Mundial

Comandadas pela imparável Ting Zhu, Vakifbank impõe seu ritmo de jogo e sonho mineiro de conquistar seu primeiro mundial é adiado

felipesantos
Felipe Santos

Na manhã desse domingo em Shaoxing, na China aconteceu a final do Mundial de Clubes entre Vakifbank da Turquia x Minas Tênis Clube. O time mineiro estava buscando um título inédito e o Vakif o seu bi-campeonato e 3º título mundial no geral.

O time turco desconheceu o poder de ataque do Minas e impôs seu jogo, venceu a partida em sets diretos fazendo 25x23, 25x21 e 25x19 se tornando tri-campeão do mundial passando há frente do Eczacibasi Vitra que tem dois títulos.

A ponteira Ting Zhu desequilibrou pras turcas ganharem o título, ela que foi muito acionada nos momentos difíceis do jogo marcou 21 pontos sendo a maior pontuadora da partida. Pelo lado das mineiras Gabi fez 16 pontos, Bruna Honório 15 e Natália apenas 9.

O jogo

O jogo começou bem equilibrado com a ponteira Gabi muito acionada, dos 5 pontos do time mineiro, 3 foram dela. Com bloqueio em cima da Natália, o Vakifbank abriu dois pontos de vantagem, 7x5. O time turco abriu 3 pontos, mas o Minas buscou e com bloqueio de Gabi empatou o jogo em 10x10. Com as centrais turcas imparáveis, abriram 16x14.

Bruna Costa entrou no lugar de Mayany no saque e Minas empatou o jogo em 17x17. Com Zhu implacável, abriram 3 pontos no momento crucial do set, 23x20.  Depois de abrir, 24x20, Vakif começou  a errar e deixou o Minas chegar 24x23, porém com ponto pelo meio de rede fechou o primeiro set em 25x23 abrindo 1x0 no jogo. 

O segundo set começou com Mayany fazendo dois pontos de bloqueio, 1x3 pro time mineiro. Com dois bloqueios da Gabi em cima da oposta Slöetjes, o Minas abriu 4x6. Após um lindo rali e bloqueio de Lonneke Slöetjes na ponteira Gabi, o time turco abriu 14x12. Kelsey no contra-ataque fez 18x14 pro Vakif.

Comandadas pela Zhu, as turcas abriram 22x17. Minas buscou e chegou no 23x21 obrigando o técnico do Giovanni Guidetti a pedir tempo. Com erro de recepção da equipe mineira, Vakifbank fechou o segundo set em 25x21 fazendo 2x1.

Minas começou o terceiro set muito apático deixando o Vakif abrir 5x1. O time mineiro buscou e encostou no placar 8x7. Com bloqueio de Kelsey em Bruna Honório, Vakif voltou abrir, 10x7. As mineiras começaram a errar e deixaram as turcas abrirem 5 pontos de vantagem, 15x10. Zhu imparável fez 16x10.

Depois de um lindo rali, Ting Zhu em uma bela pipe ampliou a vantagem pra 20x15. Só deu ela no final do set, Zhu novamente 23x16. Com jogada pelo meio, VafikBank fechou o set em 25x19 conquistando o mundial de clubes 2018 e se tornando tri-campeão do torneio.

Dream Team:

Levantadora: MACRIS
Atacantes: GABI e Zhu
Oposta: Boskovic
Centrais: MAYANY e Rasic
Líbero: Gizem 
MVP: Zhu. 

 

 

 

VAVEL Logo

Vôlei Notícias