Minas vence Osasco-Audax fora de casa e mantem invencibilidade na Superliga
Reprodução/Minas Tênis Clube

Minas vence Osasco-Audax fora de casa e mantem invencibilidade na Superliga

Minas fez 3 a 0 em Osasco e segue sendo um dos favoritos ao título na na competição;Time paulista sofre sua segunda derrota seguida

felipesantos
Felipe Santos

Osasco-Audax recebeu no Ginásio José Liberatti, a equipe do Minas Tênis Clube pela Superliga feminina de vôlei. O time paulista que buscava a recuperação na competição, após a derrota sofrida por 3 a 0 pelo Sesc-RJ enfrentou um dos únicos times invictos da competição.

O jogo foi de altos e baixos de ambas equipes, porém o Minas soube controlar o nervosismo nos momentos certos e venceu a partida por 3 sets a 0 com parciais de 15/25, 29/31 e 27/29. A ponteira Natália levou o troféu VivaVôlei do jogo. Gabizinha, foi a maior pontuadora da partida com 21 pontos, sendo 19 de ataque, 1 ace e 1 ponto de bloqueio. 

O jogo

No primeiro set, o Minas teve uma boa passagem de Bruna Honório no saque e abriu 3/6. Com dois bloqueios seguidos da central Mayany, as visitantes abriram 8/16. À frente do placar, o time minastenista pouco cedeu espaço para que o Osasco crescesse e facilmente fechou o primeiro set em 15/25. 

No intervalo do jogo, Luizomar de Moura trocou Nati Martins por Natasha e a mudança mexeu com o time, e as donas da casa abriram  7/3 no início do segundo set. Com dois bloqueios seguidos as mineiras encostaram no placar, fizeram 9/8. O jogo se manteve equilibrado com as duas equipes pontuando muito bem. Osasco abriu 16/14. Logo, o Minas virou o placar 16/20. O técnico paulista fez a inversão 5/1 e funcionou, as osasquenses viraram o jogo para 22/21. O final do set pegou fogo, 24/24 até que Angela Leyva fez um ace, virou e incendiou a torcida, 25/24. O duelo seguiu sem nenhum time conseguir abrir dois pontos, 29/29. Com erro de Leyva e contra-ataque do time mineiro, o Minas fechou o segundo set em 29/31.

No início da terceira parcial, a equipe minastenista conseguiu abrir 5/7. Osasco empatou o jogo em 11/11, mas rapidamente a equipe mineira abriu 11/14. As donas da casa correram atrás do placar e com dois erros de Gabizinha viraram para 17/16. Com bloqueio de Mari Paraíba em cima de Bruna Honório, as  abriu 20/18. As paulistas abriram 22/19. As osasquenses tiveram quatro match point no final do set, deixaram o Minas empatar o jogo, 24/24. As mineiras mantiveram a calma e fecharam em 27/29.

Na próxima rodada, o Osasco recebe o Praia Clube, na sexta-feira às 19h, no Ginásio José Liberatti. No mesmo dia, o Minas recebe o Sesc-RJ na Arena Minas, às 21h30 . Os dois jogos são os últimos do ano para ambas equipes. 

VAVEL Logo