Brasil vence o México no vôlei masculino dos Jogos Olímpicos (3-1)

Brasil vence o México no vôlei masculino dos Jogos Olímpicos (3-1)
Brasil vence o México no vôlei masculino dos Jogos Olímpicos (3-1)

Agradeço a todos que acompanharam conosco essa estréia brasileira, um forte abraço.

Brasil vence o México por três sets a um de virada com parciais de 23/25, 25/19, 25/14 e 25/18, e estréia com vitória nos jogos olimpícos de 2016.

4° Set: VITÓRIA DO BRASIL! Lucão explora o bloqueio e fecha o quarto set, 25-18 e o jogo em três set's a um.

4° Set: Match point para o Brasil, 24-18

4° Set: Evandro muito bem no jogo, 22-18

4° Set: Brasil segue na frente, 21-18

4° Set: Wallace solta o braço, 18-15

4° Set: Bola fora do Guerra, 13-11 para o Brasil

4° Set: Lucarelli empata o set denovo, 10-10

4° Set: Saque do Wallace fica na rede, 8-7

4° Set: México vira o jogo, 4-3

4° Set: México coloca na quadra, 1-1

3° Set: Brasil vence o terceiro set, 25-14 e vira o jogo, dois a um

3° Set: Saque do Evandro entra, 24-14, set point para o Brasil

3° Set: Evandro marca, 21-14

3° Set: Boa bola de Vargas, 18-12

3° Set: Lucão manda o saque para fora, 16-11

3° Set: Guerra diminui, 14-10

3° Set: Brasil abre, 14-9

3° Set: Wallace aparece mais uma vez, 6-4

3° Set: Guerra explora o bloqueio, 5-4

3° Set: Wallace acerta no fundo da quadra, 4-2

3° Set: Lucarelli manda na fita e a bola sai, 1-1

2° Set: Vargas manda para fora e o Brasil fecha o segundo set, 25-19 e empata o jogo

2° Set: Set point para o Brasil, 24-18

2° Set: Wallace muito bem na paralela, 22-14

2° Set: Eder manda o saque para fora, 21-14

2° Set: Brasil dispara, 20-13

2° Set: Lucão coloca lá dentro, 19-13

2° Set: Mauricio calibrado manda ace no fundo, 16-12

2° Set: Lucarelli bem no saque denovo, 11-8

2° Set: Ótimo saque de Lucarelli, 10-8

2° Set: Bola fora de Rangel, 7-7

2° Set: Mauricio coloca lá dentro na cruzada, 6-5

2° Set: Guerra solta o braço, 5-5

2° Set: Juiz marca toque na rede de Lucarelli, 2-2

2° Set: Bloqueio brasileiro funciona, 2-1

2° Set: Brasil começa sacando com Eder

1° Set: México vence o primeiro set, 25-23 e abre um a zero no jogo

1° Set: Set point para o méxico, 24-22

1° Set: Guerra inspirado no jogo, 23-21

1° Set: Vargas deixa méxico com dois de vantagem, 22-20

1° Set: Agora Bruinho manda na rede, 21-19

1° Set: Bruninho ponto de saque, 20-19, Brasil encosta

1° Set: Guerra coloca na quadra, 18-15

1° Set: México vem fazendo jogo duro e segue na frente, 17-15

1° Set: Lucarelli diminui a diferença, 11-9

1° Set: Guerra mais um vez, 10-7

1° Set: Vargas manda o saque direto para fora, 9-7

1° Set: Mauricio solta o braço, 8-6

1° Set: Erro de passe do Brasil, 8-5 para o México

1° Set: Rangel coloca na quadra brasileira, 5-5

1° Set: México explora bloqueio brasileiro, 2-2

1° Set: Lucarelli empata o jogo no inicio, 1-1

1° Set: Começa o jogo!

O vôlei masculino do Brasil estreia nas Olimpíadas 2016 neste domingo (7) contra o México. A partida vai acontecer às 11h35 da manhã, no ginásio do Maracanãzinho.

A seleção brasileira masculina de vôlei é comandada pelo técnico Bernardinho e, além do México, enfrenta Canadá, Estados Unidos, Itália e França, nos dias 9, 11, 13 e 15 de agosto, respectivamente, sempre às 22h35, em jogos do grupo A. do outro lado, no grupo B, estão as seleções de Polônia, Argentina, Cuba, Rússia, Irã e Egito.

São 12 times divididos em dois grupos com seis em cada. As quatro equipes com melhores colocações em cada um dos grupos passam para as quartas de final.

Todas as partidas de vôlei masculino serão disputadas no Maracanãzinho. Os jogos acontecem de 9h30 às 13h20, de 15h às 18h50 e de 20h30 às 00h20 (horários de Brasília).

No dia 17 de agosto começam as quartas de final. Já as semifinais terão início no dia 19 do mesmo mês e os campeões olímpicos de 2016 serão conhecidos no dia 21, em um jogo que começa às 22h15.

Bicampeão olímpico em 1992 e 2004, o time masculino de vôlei do Brasil estreia na Rio-2016 em busca da quarta final seguida nos Jogos. O desafio dos comandados de Bernardinho começa neste domingo (8), contra o azarão México. A partida acontece às 11h35, no Maracanãzinho.

Com o fim da geração dourada de 2004, o time brasileiro tem apenas o líbero Serginho, 40, como remanescente daquela conquista. Em Pequim-2008 e Londres-2012, o técnico Bernardinho conseguiu levar a seleção às finais, mas o time amargou a prata nas duas ocasiões.

Com o corte do ponteiro e capitão Murilo às vésperas dos Jogos devido a uma lesão na panturrilha, o Brasil perdeu experiência em quadra e qualidade na linha de passe. Mesmo assim, o grupo atual é considerado candidato ao ouro, embora o próprio Bernardinho aponte o time da França como o maior favorito.

Na estreia, o Brasil não deverá ter dificuldades. Bom para Bernardinho, que poderá poupar titulares e observar o desempenho de reservas ainda sem experiência olímpica.

"O que importa é a quadra e isso é o que prende nossa atenção. O que vale são aquelas quatro linhas. Tentamos ficar focados sempre porque o desafio é enorme", afirmou o treinador.

Seja bem-vindo, torcedor! Acompanhe agora a mais um dia de evento nos Jogos Olímpicos Rio 2016! Fique conosco!