Brasil vence França no vôlei masculino e se classifica às quartas

Empurrado pela torcida, os brasileiros venceram os franceses por três sets a um e agora irão enfrentar os argentinos nas quartas de final

Brasil vence França no vôlei masculino e se classifica às quartas
Photo: REUTERS/Edgard Garrido

Num jogo memorável num Maracanãzinho lotado, a seleção brasileira entrou jogando a vida no fechamento da primeira fase dos Jogos Olímpicos Rio 2016, e saiu vivo. Nessa segunda-feira (15), o Brasil venceu a França por três sets a um, com parciais de  25/22, 22/25, 25/20 e 25/23, e avançou de fase.

Com o resultado, o Brasil irá disputar uma vaga na fase semifinal do torneio com a Argentina. Já os franceses estão eliminados dos Jogos Olímpicos.

Jogo sob pressão

Sabendo que em caso de derrota, estaria eliminado, o Brasil entrou pressionado na partida. Logo de cara viram os franceses abrir 5/2. Os comandados de Bernardinho conseguiram igualar as forças, e com Lipe bem no saque, empatou a parcial em 12-12. Num jogo muito disputado, ambos foram trocando pontos, com Ngapeth incomodando pelo lado francês, enquanto pelo brasileiro Wallace se destacava. Os brasileiros conseguiram abrir 22-19 e respiraram no set. No fim, o mesmo Ngapeth que fazia uma grande partida, sacou para fora e deixou os brasileiros fecharam a parcial em 25/22 e abrir um a zero no jogo.

Já no segundo set o equilibrio continuou. Wallace jogando muito bem na defesa e no ataque seguia se destacando no jogo. França abriu 22-20 quando Lucão sacou para fora. E no saque de  Le Roux, a França devolveu o set com o mesmo placar do primeiro, 25/22 e um a um no placar.

Na terceira parcial o Brasil se soltava em quadra. O bloqueio funcionava, e Lucarelli começava a crescer na partida. Com a torcida empurrando, os brasileiros abriram 19-15. Os franceses erravam mais que o normal, o que facilitou as ações do Brasil que fechou o set em 25/20.

Só faltava um set para o Brasil se garantir nas quartas de final, e ele veio com muita emoção. Na quarta parcial, a França tomava as ações do jogo, chegando a abrir 13-10. Ngapeth subia para o ataque e Lucão no bloqueio funciona para empatar o set, 14-14. O jogo seguiu parelho até o fim, chegando no 23-23. Nesse momento apareceu Wallace no ataque, dando o match point para o Brasil. Em seguida a seleção fechou a parcial em 25/23, o jogo em três a um e selou a passagem para as quartas.

''Senti alívio. A situação era difícil e o time respondeu bem, teve atitude. Em certo ponto eu até queria conter a torcida. Era prematuro gritar ''o campeão voltou''. Ainda é, na verdade. Importante que a torcida viu uma atitude diferente do time. E o Brasil soube fazer isso contra uma grande equipe. Se a gente olha para a França, até seis meses atrás era considerada a favorita para levar o ouro. Mas começou mal, também entrou pressionada e sucumbiu no final'', comentou Bernardinho ao fim do jogo.