Estados Unidos vencem Polônia e encaram forte Itália na semifinal do vôlei masculino

Após classificação suada na primeira fase, os americanos despacharam a Polônia com um sonoro três a zero e estão classificados para a semifinal

Estados Unidos vencem Polônia e encaram forte Itália na semifinal do vôlei masculino
Foto: Getty Images/Sean M. Haffey
Estados Unidos
3 0
Polônia

E os Estados Unidos renasce no vôlei masculino. Nessa quarta-feira (17), os americanos venceram os polônes, atuais campeões mundiais, no Maracanãzinho por três sets a zero, com parciais de 25/23, 25/22 e 25/20 e estão classificados para a semifinal dos Jogos Olímpicos do Rio 2016.

Os americanos iniciaram sua saga olímpica com duas derrotas, não podendo mais perder para seguir na competição, e conseguiram. Superaram a Polônia, uma das seleções favoritas, que passaram com quatro vitórias em cinco jogos, e seguem firme na busca pelo ouro.

Jogo parelho

Como não poderia ser diferente, as duas seleções foram agressivas no jogo, apostando muito no saque. Os americanos levaram a melhor nesse quesito no primeiro set, aliado com uma grande força no bloqueio, e acabaram fechando a primeira parcial em 25/23, saindo na frente no placar.

A Polônia cresceu no segundo set. Com o craque  Bartosz Kurec, os polônes conseguiram abrir 14-11 no placar. Os americanos voltaram para o jogo, defendendo bem e com dois aces de Taylor Sander, os Estados Unidos viraram o set para 20-19. Depois só administrou a vantagem e fechou em 25/22, colocando dois a zero no placar e encaminhando a vitória.

Na terceira parcial os americanos seguiram sacando muito, o que complicava a vida da Polônia, que se complicou e se viu atrás do placar perdendo o set por 14-9. Mesmo com a vantagem, a equipe americana seguiu forte no ataque e fechou o terceiro set em 25/20 e o jogo em três a zero. O grande destaque da partida foi o americano Aaron Russell, com 15 pontos no jogo.

Italianos pela frente mais uma vez

Agora na semifinal os americanos irão enfrentar a Itália, que venceu o Irã por três sets a zero e selou sua classificação. Curiosamente, os italianos venceram os Estados Unidos na primeira fase dos Jogos Olímpicos por três sets a um.