Sada Cruzeiro vence, garante vaga na semifinal do Mundial de Clubes e aguarda Zenit Kazan

Sem dificuldades, equipe celeste bateu o Tala’ea El-Gaish, do Egito, por 3 sets a 0; Minas novamente foi derrotado na competição

Sada Cruzeiro vence, garante vaga na semifinal do Mundial de Clubes e aguarda Zenit Kazan
Cruzeirenses seguem invictos no Mundial (Foto: Renato Araújo/Sada Cruzeiro)
Sada Cruzeiro
3 0
Tala’ea El-Gaish
Sada Cruzeiro : William, Evandro, Rodriguinho, Leal, Isac, Simon e o líbero Serginho. Entraram: Léo, Fernando Cachopa e Renan. Técnico: Marcelo Mendez.
Tala’ea El-Gaish : Bekhit, Abdelhay, Abdelrehim, Thakil, Hernandez, Ilouoni e o líbero Abdelaal. Entraram: Mahmoud, Mohamed, Islam e Omar. Técnico: Sherif H. Elshemerly.

Pela segunda rodada da fase de grupos do Mundial Masculino de Clubes de Voleibol, o Sada Cruzeiro encarou o Tala’ea El-Gaish, do Egito, nesta quarta-feira (19). No Ginásio Divino Braga, em Betim, a equipe celeste venceu os representantes do continente africano por 3 sets a 0, com parciais de 25/18, 25/20 e 25/15.

O Sada Cruzeiro imprimiu um ritmo forte no início do confronto e sem dificuldades, rapidamente abriu vantagem sobre os adversários e manteve-se distante para fechar a primeira parcial, com Leal, em 25/18. No segundo set, o duelo ficou mais equilibrado, embora a todo momento a equipe celeste sustentou-se à frente no placar. Os egípcios até ameaçaram encostar, mas Marcelo Mendez pediu tempo e a vantagem que era de 21/18, fechou em 25/20 para o time cruzeirense. Por fim, a última parcial também começou equilibrada, mas com bela atuação do levantador William, a equipe mineira passou a dominar o terceiro set e selou a vitória em 25/15.

Evandro, oposto do Sada Cruzeiro, marcou 13 pontos e saiu de quadra como maior pontuador da partida. O jovem ponteiro Rodriguinho – substituto de Filipe, que sentiu incômodo na panturrilha - também foi um dos principais destaques do confronto.

“Para mim foi ótimo receber uma oportunidade assim. Entrei porque o Filie estava com dores e essa nunca é a melhor forma, mas isso vai acrescentar muito ao meu jogo, me dando uma experiência importante”, disse Rodriguinho. “Essa chave foi boa e acho que essa sequência crescente no campeonato vai ajudar a nossa equipe”, concluiu o ponteiro.

Com o resultado, somando com a vitória na estreia sobre o Taichung Bank, do Taipé Chinês, o Sada Cruzeiro acumulou seis pontos, assumiu a liderança do Grupo A e garantiu a classificação para a semifinal da competição. O próximo compromisso da equipe celeste será nesta quinta-feira (20), às 20h (horário brasileiro de verão), contra o os russos do Zenit Kazan.

O duelo entre Cruzeiro e Zenit, além de possibilitar o reencontro dos últimos finalistas do Mundial, colocará em lados opostos três grandes jogadores cubanos: Leal e Simon, pelo time brasileiro, e Leon, pela equipe russa. “Vai ser pesado. Vai ser decisão de primeiro lugar do grupo e um jogo muito forte. Nós já estamos classificados e vai ser um jogo muito complicado, contra um bom time”, afirmou Leal, ponteiro da equipe mineira.

Minas é superado pelo Trentino

(Foto: Orlando Bento/Minas Tênis Clube)
Mineiros não conseguiram parar forte ataque da equipe italiana (Foto: Orlando Bento/Minas Tênis Clube)

O Minas Tênis Clube enfrentou um adversário difícil na tarde desta quarta-feira (19), no Ginásio Divino Braga, em Betim. Pela frente, os italianos do Trentino, em confronto válido pela segunda rodada da fase de grupos do Mundial Masculino de Clubes de Voleibol.

Apesar de lutarem, o time mineiro não evitou mais uma derrota na competição intercontinental. Sem conseguir dificultar para os adversários, o Minas viu o Trentino fechar o jogo em 3 sets a 0, com parciais de 25/23, 25/19 e 25/23. O principal destaque da equipe minastenista foi o oposto Bisset, com 11 pontos.

O próximo compromisso do Minas Tênis Clube no Mundial de Clubes será na sexta-feira (21), ou seja, a equipe terá um dia de folga na competição. A partida diante do Bolívar, da Argentina, está prevista para às 15h (horário brasileiro de verão), também no Ginásio Divino Braga, em Betim.