Taubaté vence SESI no golden set e conquista o tri Paulista

Dois grandes time, um clássico do vôlei nacional. A decisão do campeonato paulista estava recheada de medalhistas que proporcionaram um grande jogo para o ginásio lotado

Taubaté vence SESI no golden set e conquista o tri Paulista
Foto: Rafinha Oliveira / Funvic Taubaté

Soberano. O Taubaté Vôlei entrou em quadra com a desvantagem de ter perdido o primeiro jogo da decisão, mas, com o caldeirão do Abaeté lotado, mostrou sua força diante do Sesi e garantiu o tricampeonato Paulista.

Com uma vitória por 3 sets a 1 (26/24, 25/17, 22/25 e 25/17) no tempo normal e mais o triunfo no golden set (25 a 21), o alviazul fez uma partida praticamente perfeita e ampliou a freguesia do time da capital: os outros dois títulos, de 2014 e de 2015, foram conquistados em cima do próprio Sesi.

Mesmo contra um time recheado de estrelas, como Bruninho, Lucão, Serginho, Murilo e Douglas Souza, o Funvic / Taubaté não sentiu nenhum tipo de pressão, e controlou a partida desde o início. Mesmo quando perdeu, no terceiro set, fez um confronto totalmente equilibrado, e foi superado nos detalhes. Nos demais sets, especialmente no segundo e no quarto, fez valer a superioridade e o fator casa.

Na categoria do capitão Rapha, na força do campeão olímpico Wallace e na estrela do ponta Lucas Lóh e do líbero Mário Jr, o Taubaté garante mais uma taça, e entra como um dos favoritos ao título da Superliga. O Sada Cruzeiro que se cuide: há outro alviazul que vai chegar forte para brigar pelo título nacional.

O jogo

O Taubaté começou firme e ofensivo. Em uma noite inspirada do levantador Rapha, as bolas ficaram fáceis para Wallace e Otávio cravarem seus pontos e deixarem o alviazul na frente. No entanto, os donos da casa erravam muito no saque, não deixando o Sesi ficar muito atrás do placar. Na segunda metade do set, o bloqueio alviazul passou a funcionar e o time vermelho apostava no contra-ataque, mantendo o placar apertado. O Sesi até chegou a ficar na frente no fim do set, mas atual campeão mostrou sua força e, no erro dos visitantes, fechou em 26 a 24.

No começo do segundo set, o Taubaté abusou dos erros nas viradas de jogo, deixando o Sesi manter a ponta do placar. No entanto, o alviazul voltou à frente com lindos pontos de Lucas Lóh, Wallace e Rapha: uma grande noite do trio taubateano. O alviazul abriu boa vantagem, com o campeão olímpico Wallace mostrando porque foi um dos melhores jogadores dos Jogos do Rio de Janeiro: grande nome da etapa e vitória taubateana por incríveis 25 a 17 no segundo set.

Se alguém esperava o Sesi tirando o pé pensando no golden set, se enganou. O time da capital voltou ligado na terceira etapa, e, com mais uma grande apresentação do levantador Bruninho, chegou a abrir grande vantagem. O Taubaté equilibrou as forças, empatou no fim do set, mas o bloqueio vermelho funcionou e a vitória foi dos visitantes: 25 a 22.

Mordido, o time da casa voltou perfeito para mais um set. Liderou o placar desde o começo, em mais uma grande etapa do ponta Lucas Lóh, e chegou a abrir nove pontos de vantagem. Em uma partida impecável  no ataque e com Mario Jr brilhando na recepção, o Taubaté foi soberano e fechou em 25 a 17, vencendo a partida e levando o jogo para o Golden Set.

Título

Como esperado, o golden set começou equilibrado. O Sesi saiu à frente, mas o Taubaté foi empurrado pela torcida e conseguiu igualar o marcador. Com uma rede alta e defendendo muito bem, o time da casa abriu boa vantagem, mas deixou o time vermelho empatar ainda na primeira metade.

A força do campeão, no entanto, foi determinante. Mais inteiro fisicamente e em uma partida impecável do levantador Rapha, o alviazul mostrou quem manda no Abaeté: foi liderando até o fim e garantiu mais um título: 25 a 21, tricampeonato paulista e muita, muita festa no Abaeté.