Emocionado, Sidão celebra primeira partida completa pelo Corinthians-Guarulhos

Central atuou na vitória sobre o Montes Claros pela Superliga Masculina

Emocionado, Sidão celebra primeira partida completa pelo Corinthians-Guarulhos
Foto: Fábio Nunes /Corinthians-Guarulhos

Na tarde deste sábado (4), o Corinthians-Guarulhos conquistou a segunda vitória na Superliga ao superar o Montes Claros por 3 sets a 2 (17/25, 25/17, 21/25, 25/22 e 15/10), no Ginásio Ponte Grande, em Guarulhos. O jogo foi marcado pela presença do central Sidão, que pela primeira vez na temporada, participou de uma partida do início ao fim.

“Estou sem palavras para esse momento. Estou emocionado. É muita superação, tudo o que passei. Tinha dúvidas que eu ia voltar a jogar e só tenho a agradecer ao Alê (técnico da equipe), toda comissão, jogadores, a todo mundo que está acreditando em mim. Minha lesão foi grave, mas minha vida sempre foi uma superação. Hoje mostrou mais uma vez por que eu estou aqui: a vontade de vencer. Tenho muita lenha para queimar”, disse o jogador emocionado.

Sidão chegou ao Corinthians como uma das referências da equipe, criada em maio deste ano. Por conta da grave lesão que sofreu no ombro direito, há mais de um ano, o jogador vinha entrando aos poucos no time paulista, mas contribuía com a sua experiência. 

Eleito o melhor jogador da partida em votação popular, o ponteiro Mineiro entregou o troféu VivaVôlei CIMED para Sidão. Mineiro, que já passou pelo mesmo problema, destacou a superação do companheiro de equipe. 

“Dei o Troféu Viva Vôlei para ele por que sei o quanto é difícil voltar. Já passei por isso, também fiz uma cirurgia no ombro e sei o que ele está passando. Hoje ele se superou, foi muito importante para a nossa equipe e quis que ele ficasse com o prêmio por isso”, disse o camisa 17.

Sidão ainda analisou a partida diante do Montes Claros, onde o Corinthians mostrou certa instabilidade, mas conseguiu superar a equipe mineira no tie-break, recuperando-se, assim, da derrota para o Sesc RJ na rodada anterior. 

“Hoje tivemos altos e baixos, principalmente nos dois sets que saímos perdemos. Eles começaram abrindo vantagem na parcial e já conversamos sobre isso - nos treinos e nas reuniões - e temos consciência que não podemos deixar mais acontecer. Hoje conseguimos a vitória, mas temos que pensar o que precisamos melhorar e sabemos o que é preciso para mudar isso”, observou o camisa 9.

O próximo desafio do Corinthians-Guarulhos pela Superliga será diante do Copel Maringá Vôlei, no Ginásio Chico Neto, em Maringá, no dia 8 de novembro, às 19h30 (de Brasília). O Timão é o oitavo colocado, com quatro pontos conquistados, fechando a zona de classificação para os playoffs.