Minas anuncia contratação de peso para sequência da temporada 2017/2018

Ponteira norte-americana Sonja Newcombe será  apresentada no início de janeiro

Minas anuncia contratação de peso para sequência da temporada 2017/2018
Divulgação/Twitter

A movimentação dos clubes de vôlei fora das quadras para a sequência da temporada 2017/2018 já começou. Na última sexta-feira (22), em conjunto com o patrocínio da Camponesa/Embaré, o Minas anunciou a ponteira Sonja Newcombe como novo reforço da equipe feminina de vôlei, visando o próximo ano. Com passagens pela Seleção americana e clubes de diversos países, a jogadora de 29 anos e 1,88m chega como contratação de peso da equipe minastenista. 

A atleta norte-americana será apresentada pelo clube mineiro no início de janeiro, e já deve ficar à disposição do técnico Stefano Lavarini. Sonja carrega passagens por diferentes equipes do Vôlei Mundial. Em 2006 iniciou a carreira na Universidad de Oregon e permaneceu até 2009. Já no ano de 2010 se transferiu para o Leonas Ponce, time da cidade de Porto Rico. Porém, antes de completar um ano, se mudou para a França, onde foi jogar no UGS-Nantes (2010/11). Na temporada seguinte (2011/12), a ponteira foi anunciada como reforço do Pursaklar, equipe da Turquia. 

Mas os clubes não pararam por aí, Sonja jogou em mais oito equipes diferentes antes de chegar ao Minas. Em 2012, a norte-americana voltou para Porto Rico, onde defendeu o Criollas de Caguas apenas na fase final da Liga Superior da cidade. No mesmo ano foi contratada pela equipe alemã do Raben Vilsbiburg e lá permaneceu por uma temporada, até se transferir para o Tjumen, da Rússia. Depois voltou para a Turquia, onde defendeu o Idman Ocagi (2014/2015).

Surgiu como reforço do Guangdong Hengda, da China (2015/2016), atuou no Azerbaijão, pela equipe do Lokomotiv Baku em 2016, até voltar para a China como contratação do Sichuan (2017). Antes de ser anunciada pelo Minas, a ponteira estava no SAB Volley Legnano, equipe da primeira divisão do Vôlei na Itália.

Defendendo a Seleção de seu país, Sonja conquistou a medalha de prata no Pan-Americano de 2014 e o ouro da competição em 2017. A jogadora foi elogiada pelo chefe de Departamento do Vôlei do Minas, Jarba Soares, que afirmou ser o nome que a equipe minastenista buscava anunciar.

"Ela tem um bom currículo e estava no Legnano, da Itália, que tem uma liga muito forte. Estudávamos as possibilidades disponíveis no mercado, há algum tempo, e encontramos boas referências sobre ela. A atleta apresentou o perfil adequado para compor o elenco", declarou. 

Quarto colocado da Superliga com 25 pontos conquistados, o Minas volta a jogar em janeiro de 2018, pela terceira rodada do torneio, quando recebe o Fluminense, na Arena Minas. A partida acontece na terça-feira (9), às 20h. Também concentrando suas forças na Copa do Brasil, no mesmo mês, a equipe disputa as semifinais da competição. O duelo é um clássico estadual contra o Praia Clube, que acontece na quinta-feira (18), às 19h, na ginásio do rival.