Guia VAVEL da Copa Brasil Masculina de Vôlei 2018

Competição abre a temporada masculina com grandes jogos e muito equilíbrio

Guia VAVEL da Copa Brasil Masculina de Vôlei 2018
Foto: Bruno Miani/Inovafoto/CBV

Nesta terça-feira (09), terá início a Copa Brasil de vôlei masculino. A competição contará com a presença das sete melhores equipes do turno da Superliga Masculina 2017/18: Cruzeiro, Sesc-RJ, Taubaté, Minas, Corinthians e Vôlei Renata, que disputarão a fase classificatória, além do Sesi-SP, que já garantiu vaga na semifinal por sediar a fase final. 

O torneio divide-se entre a fase classificatória, semifinal e final, disputadas no formato mata-mata. Os confrontos foram definidos através de cruzamento olímpico, tendo como base a classificação do primeiro turno da Superliga. Assim, os três melhores colocados terão a vantagem de jogar em seus domínios. Já o 'final four' terá como sede o ginásio do Sesi-SP Vila Leopoldina, em São Paulo (SP). 

A Copa Brasil teve início em 2007, disputada em caráter amistoso por quatro equipes, dentre as quais o Cimed-SC sagrou-se campeão em cima do Minas Tênis Clube. O torneio foi reformulado em 2014 e entrou para o calendário oficial das competições nacionais. Sada Cruzeiro e Taubaté dividem o posto de maiores campeões do torneio, com dois títulos para cada.

Confira a tabela de jogos 

Fase classificatória 

09.01 – Sada Cruzeiro (1º) x Vôlei Renata (6º), às 20h, no Riacho, em Contagem (MG)

09.01 – Sesc RJ (2º) x Corinthians-Guarulhos (5º), às 17h, no Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ)

09.01 – EMS Taubaté Funvic (3º) x Minas Tênis Clube (4º), às 20h, no Abaeté, em Taubaté (SP)

Semifinais

25.01 – Vencedor do 1º x 6º x Vencedor do 2º x 5º, às 17h30, no Sesi-SP Vila Leopoldina, em São Paulo (SP)

25.01– Sesi-SP x Vencedor do 3º x 4º, às 20h, no Sesi-SP Vila Leopoldina, em São Paulo (SP)

Final

27.01– Vencedor do jogo 4 x Vencedor do jogo 5, às 21h30, no Sesi-SP Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) 

Análise dos confrontos 

Sesc-RJ x Corinthians-Guarulhos 

No primeiro jogo desta fase, o Sesc-RJ recebe o Corinthians no ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro, às 17h (de Brasília). Será a estreia de ambos os times na competição. O Sesc-RJ tem um ano de criação, enquanto o Alvinegro Paulista foi lançado há oito meses. A equipe carioca chega para o duelo com moral após alcançar a almejada segunda colocação na Superliga, no encerramento de 2017.

“Temos um jogo importantíssimo, que conta com o fator do mata-mata, que é um componente emocional diferente. A equipe do Corinthians melhorou muito. É um jogo em casa, onde temos que aproveitar, pois a torcida nos ajuda muito. Vai ser uma partida bem disputada e vamos buscar essa semifinal da Copa Brasil, que é muito importante para nós”, comentou o técnico e idealizador do projeto, Giovane Gávio. 

(Foto: July Stanzioni/Corinthians-Guarulhos)
(Foto: July Stanzioni/Corinthians-Guarulhos)

Por sua vez, o técnico corintiano Alexandre Stanzioni destaca que a competição também servirá como preparação para o restante da temporada de sua equipe.

"A Copa Brasil tem a sua importância, mas que temos que entender a preparação também para o returno da Superliga. Temos que usar isso como uma possibilidade interessante de disputar finais de torneio, e ao mesmo tempo para preparar a equipe para suportar o segundo turno e a possibilidade de playoff", afirma o comandante paulista.

Taubaté x Minas Tênis Clube 

Atual campeão, o Taubaté Funvic receberá o Minas no ginásio Abaeté, às 20h, com os portões abertos ao público. A equipe paulista terá o desfalque certo do ponteiro Lucarelli, que ainda se recupera de lesão. O Taubaté conquistou a Copa Brasil em duas oportunidades: 2015 e 2017. Destaque na última conquista dos taubateanos, o oposto Wallace comentou sobre o duelo. 

“Primeiro jogo do ano, com as energias renovadas, o nosso time vai tentar mudar algumas coisas para melhorar ainda mais e o primeiro teste vai ser contra o time do Minas. Sabemos do potencial que eles têm e não podemos em momento algum dar chance eles crescerem no jogo. Temos que fazer o nosso 100% dentro de quadra para sair com o resultado positivo", disse. 

(: Rafinha Oliveira / EMS Taubaté Funvic)
(Foto: Rafinha Oliveira / EMS Taubaté Funvic)

Em evolução na Superliga, a equipe mineira espera confirmar o crescimento diante dos paulistas, que buscam recuperação na principal competição nacional após derrota na última partida antes do recesso. O técnico Nery Tambeiro conta os levantadores Marlon e Eduardo Carísio, os opostos Felipe Roque e Davy, os centrais Flávio, Pétrus e Quintana, os ponteiros Bob, Bisset, Thiago Vanole e Henrique Honorato, além dos líberos Rogerinho e Maique.

Sada Cruzeiro x Vôlei Renata (Campinas) 

No outro duelo da noite, o Vôlei Renata vai ao ginásio Riachão, em Contagem, para encarar o Sada Cruzeiro. O confronto marcará o reencontro da equipe celeste com sua torcida após a medalha de bronze no campeonato Mundial. Campeão da Copa Brasil em 2014 e 2016, o estrelado time azul quer iniciar o ano de 2018 empilhando mais um troféu. Para isso, terá que superar o Campinas, o que para o técnico Marcelo Mendez será uma árdua missão.  

“As duas equipes se conhecem muito. São times com grandes jogadores dos dois lados e para nós é importantíssimo conquistar essa vitória e seguirmos na luta pelo título. É o primeiro jogo depois do Mundial, estamos há muito tempo sem jogar diante da nossa torcida, então a expectativa é muito boa, de encontrar o ginásio lotado. E esse apoio do torcedor é muito bom para a nossa equipe. Com certeza será uma partida difícil, definida nos detalhes, e nós temos que jogar muito bem, fazendo um bom trabalho no saque, no ataque”, afirmou o argentino. 

(Foto: Divulgação/FIVB)
(Foto: Divulgação/FIVB)

O Campinas encerrou 2017 com duas vitórias seguidas pela Superliga (Maringá e Caramuru). O objetivo da equipe campineira é manter a sequência positiva neste início de ano. No entanto, o líbero Santuci reconhece que o duelo contra a Raposa será muito difícil. 

“Sabemos que não será fácil, mas vamos para lá com a mentalidade de que podemos jogar bem. Precisamos sacar com qualidade para tentar equilibrar as ações e durante a partida encontrar nosso ritmo. Estamos numa crescente e a expectativa é melhor cada vez mais”, disse o jogador.