Negócio da China: Jackson Martínez a caminho dos asiáticos por 42 milhões

Apesar de a maioria dos mercados europeus estarem fechados, Jackson Martínez foi vendido por uma quantia astronómica ao clube chinês Guangzhou Evergrande.

Negócio da China: Jackson Martínez a caminho dos asiáticos por 42 milhões
Negócio da China: Jackson Martínez a caminho dos asiáticos por 42 milhões

O ex-Porto Jackson Martínez é, oficialmente, a transferência mais cara deste mercado de inverno. O goleador, que deu nas vistas ao serviço dos azul-e-brancos onde foi sempre o melhor marcador, encontrou dificuldades em afirmar-se em Espanha, no Atlético de Madrid, ao enfrentar concorrência de peso por um lugar no onze. O atleta não deu nas vistas em Espanha, mas não é por isso que deixa de rumar ao clube Chinês Guangzhou Everdale por uma quantia astronómica, rendendo aos cofres do Atlético de Madrid o valor de 42 milhões de euros. Face à sua passagem pouco feliz por terras espanholas, fica por perceber como é que o jogador se conseguiu valorizar ao ponto de oferecer ao Atlético um retorno de 7 milhões de euros (Jackson foi contratado no verão de 2015 por 35 milhões).

Tendo estado em Espanha por pouco mais de 6 meses, o avançado ruma agora ao clube Chinês, onde treinará ao serviço de Scolari, seguindo como mais uma transferência de quantia bastante avultada. Importante referir que, das 5 transferências monetariamente mais significativas, 4 delas foram atletas que rumaram a clubes da China, cujo mercado só fechará no dia 26 deste mês.

A vaga de transferências para o país asiático foi uma constante no passado mês de janeiro e início deste mês de fevereiro, com relevo para Scolari ou Fredy Montero, especulando-se ainda uma possível ida de Jonas para o mesmo país.

Futebol Internacional