Remontada do marciano Cristiano: hat-trick de CR7 demoliu o Wolfsburgo

O Real Madrid deu a volta ao 2-0 da primeira mão dos quartos de final da Champions, e foi na capital espanhola que o mundo do futebol assistiu a uma noite épica de Ronaldo, que deu 3 tiros aos alemães, apurando assim os merengues para as meias finais da Liga que Ronaldo estrelou (93 tentos na Champions, alguém se atreve a tentar bater esta marca?).

Remontada do marciano Cristiano: hat-trick de CR7 demoliu o Wolfsburgo
CR7 deu a passagem aos madrilenos até às meias finais // Foto: Getty Images

Quando, há uma semana, o Real Madrid saiu da Alemanha com uma derrota de 2-0, o Wolfsburgo pensava ter um pé e meio na próxima fase da Liga Milionária, mas não contaram com um fenómeno extra-terrestre que resolveu aterrar a sua nave no relvado do Santiago Bernabéu: o marciano Cristiano Ronaldo foi o protagonista de mais uma missão no planeta Terra. O craque luso reduziu o Wolfsburgo ao ridículo e marcou os 3 golos que ditaram a reviravolta épica do Real Madrid diante os alemães. CR7 leva já 16 tiros certeiros e está a 2 golos de ultrapassar o recorde de 17 festejos, que o próprio atingiu em 2014. As meias finais estão garantidas para os blancos e resta agora aguardar pela próxima missão do mito vivo Cristiano.

Ronaldo ultrapassa os limites da lógica: Real nas meias!

O chamamento de Cristiano deu certo - os adeptos do Real Madrid responderam em massa ao pedido do craque luso e preencheram o Santiago Bernabéu de Branco, com um ambiente digno do grande espectáculo da UEFA Champions League. Com a bolinha estrelada nos pés o Real entrou a massacrar o Wolfsburgo, e Sérgio Ramos ficou a um palmo de inaugurar o marcador na capital espanhola. A famosa BBC abafou por inteiro os alemães, com foco principal para o ''C'' da sigla. Ao minuto 16 emergiu o talento e o instinto goleador de Cristiano, que respondeu com firmeza a um passe soberbo de Carvajal com um tiro simples e eficaz. Enquanto o Bernabéu festejava juntamente com a equipa, já Cristiano estava pronto para mostrar o seu sorriso blanco pela 2ª vez. No minuto a seguir, o mesmo Cristiano subiu mais alto que os germânicos e foi de cabeça que gritou às redes de Benaglio: ''siii, yo estoy aqui chicos''. O Real igualou a eliminatória e Ronaldo precisou apenas de 1 minuto para mostrar ao mundo que o impossível só existe para os comuns mortais.

O Real Madrid dominou o global da partida // Foto: Getty Images
O Real Madrid dominou o global da partida // Foto: Getty Images

Aos 27 minutos, Luiz Gustavo testou Navas, mas o guardião parou a intenção do brasileiro. 7 minutos volvidos, o canarinho voltou a tentar marcar, mas falhou o alvo. Antes do intervalo, Henrique perdeu uma chance letal para furar as redes, e foi com o 2-0 para os merengues que os 22 jogadores desceram para os balneários. Na segunda parte o Wolfsburgo sentiu a perda de Draxler por lesão, e foram os blancos a dominarem o duelo por inteiro. O central Sérgio Ramos viu a bola passar perto do alvo, mas o aviso permitia aos adeptos sonharem com a remontada merengue. O terceiro golo chegou mesmo ao minuto 76, e a pergunta que se impõe é a seguinte: quem marcou? A resposta é quase tão óbvia como de quem é o melhor jogador do mundo. Na marcação de um livre, Cristiano abriu as pernas e disparou para a reviravolta na eliminatória. Até final Benaglio negou mais 2 tentos aos galáticos, e o resultado estava traçado, o 3-0. Perante isto o Real anulou a desvantagem da 1ª mão, e no global os merengues venceram 3-2.

O mágico Cristiano soma agora 46 golos em todas as competições, e em 10 jogos na actual edição da Champions soma já 16 monstruosos festejos. O craque é o melhor marcador de sempre da prova dos sonhos com uma marca inacreditável: 93 golos, faltam 7 para os 100! Para além dos números míticos, Cristiano denota habilidades goleadoras inagualáveis ao marcar de cabeça, pé esquerdo e pé direito. Fica ainda o foco para o bom jogo de Carvajal e Benzemá, numa noite emblemática que tem um luso como herói. Cristiano já está na história e não há dúvidas de que está ao nível de Maradona, Pelé ou Eusébio. O futebol move multidões e jogadores como Cristiano fazem da modalidade um verdadeíro espectáculo. O Real apura-se assim para as meias finais e é um forte candidato ao título europeu.

Cristiano conta já com 16 golos na presente edição da Champions // Foto: Facebook do Real Madrid
Cristiano conta já com 16 golos na presente edição da Champions // Foto: Facebook do Real Madrid

Futebol Internacional