França goleia Islândia e está nas meias-finais

A França venceu este domingo a Islândia por 5-2, em partida relativa aos quartos de final do europeu de 2016. Em Saint-Denis, dois golos de Giroud, um de Pogba, Payet e Griezmann deram aos gauleses a vitória; Sigthórsson e Bjarnason fizeram os golos dos nórdicos, insuficientes para a passagem às meias-finais.

França goleia Islândia e está nas meias-finais
França goleia Islândia e está nas meias-finais

Irredutíveis gauleses

Ao contrário do que se previa, a Islândia entrou forte na partida, contrariando a ideia de uma equipa retraída e remetida para o seu meio-campo. Contudo,e apesar da dificuldade da França em circular a bola, os gauleses inauguraram o marcador logo aos 12 minutos; passe longo de Matuidi e a falha do defesa islandês a permitir a Giroud que fizesse o primeiro da partida.

Os nórdicos tentaram construir uma reacção, não esmorecendo e procurando reagrupar-se e partir em busca do empate. Mas foi novamente a França quem chegou ao golo; 20 minutos de jogo e após canto batido por Griezmann, o cabeceamento de Pogba fez o 2-0 para os bleus. Poucos minutos depois a Islândia esteve de facto perto do golo, mas o cabeceamento de Bodvarsson, após o habitual lançamento longo, saiu ligeiramente por cima.

Apesar de ver o adversário controlar a partida, a Islândia nunca desarmou, contudo, os últimos minutos do primeiro tempo foram fatais para os nórdicos. Aos 43 minutos, Payet, à entrada da área, rematou forte e cruzado para o 3-0; dois minutos depois foi a vez de Griezmann, isolado, de picar a bola sobre o guardião Halldorsson para estabelecer o resultado ao intervalo em 4-0, o jogo estava resolvido.

Gestão e festa

Para a segunda parte, os nórdicos fizeram duas alterações, trocando Arnason e Bodvarsson por Finnbogason e Ingason. Naturalmente mais relaxados, os gauleses baixaram a sua guarda, permitindo mesmo aos islandeses chegar ao golo; 56 minutos e Sigthórsson, com um desvio ao primeiro poste, fez o golo da Islândia. A relativa alegria islandesa durou apenas três minutos, isto porque, ao minuto 59, Giroud bisou de cabeça após livre batido por Payet.

Apesar da goleada, os adeptos islandeses iam fazendo a festa nas bancadas, aproveitando os últimos minutos da sua equipa neste Campeonato da Europa. Os adeptos nórdicos tiveram ainda a oportunidade de festejar um último golo da sua selecção; aos 84 minutos, o cruzamento de Skulason encontrou a cabeça de Bjarnason que fez assim o resultado final.

Depois de uma fantástica edição de estreia, os islandeses dizem adeus ao europeu, já a anfitriã França irá lutar com a Alemanha por um lugar na final.