Nico Gaitán e Sime Vrsaljko apresentados no Vicente Calderón

O mágico argentino que brilhou na Luz foi ontem apresentado como reforço do Atlético Madrid. O extremo canhoto revelou que já queria ter assinado pelos «colchoneros» na temporada passada, e que, agora, está perante um «grande desafio». O clube apresentou também o defesa croata Šime Vrsaljko.

Nico Gaitán e Sime Vrsaljko apresentados no Vicente Calderón
(Foto: Alberto Molina/ Atlético de Madrid)

Finda a aventura de seis anos no Benfica, o extremo argentino Nico Gaitán iniciou ontem o trilho profissional com as cores do Atlético Madrid: o jogador de 28 anos foi apresentado à massa associativa «colchonera» no Vicente Calderón, juntamente com o defesa internacional croata Šime Vrsaljko. A transferência de Gaitán, cifrada em 25 milhões de euros, juntará o craque ao compatriota Diego Simeone, técnico da formação madrilena.

«O Atlético queria contar comigo há muito tempo, sempre quis assinar com esta equipa. Quando um técnico quer que faças parte do elenco fica tudo mais fácil. Além disso, os colegas de selecção me disseram que este é um óptimo clube. Estou muito feliz de estar aqui, agora devo demonstrar isso dentro de campo», comentou Nico Gaitán durante a cerimónia de apresentação. O internacional alviceleste revelou que o clube tentara a sua contratação na temporada passada, mas que o desfecho foi o da permanência nos encarnados, onde viria a tornar-se tricampeão.

O evento contou também com a apresentação oficial do internacional da Croácia, Šime Vrsaljko, de 24 anos. O defesa lateral trocou o clube italiano Sassuolo pelo Atlético Madrid, revelando que o estilo de jogo implementado por Diego Simeone se adapta perfeitamente às suas características técnicas: «Tenho este clube como um grande desafio para mim. Preciso trabalhar duro todos os dias e provar o meu valor (...) O estilo de jogo do Atlético de Madrid combina com perfeição com as minhas características e com o meu carácter», afirmou.