"Déjà vu"

O sorteio do passado dia 16 de Março ditou um confronto entre dois clubes históricos na Europa. Juventus vs Real Madrid é o jogo cabeça de cartaz para estes quartos de final da UEFA Champions League.

"Déjà vu"
"Déjà vu"

Quando vimos o resultado do sorteio, seguramente nos vieram à cabeça imagens da final da Champions League do ano passado. Os protagonistas voltam a encontrar-se este ano, mas agora numa fase mais prematura da prova. No entanto, decide-se agora o futuro das duas equipas em duas mãos e o confronto deixa os amantes do futebol com grandes expectativas para o que irá acontecer nos dias 3 e 11 de Abril.

O que mudou nas equipas em menos de um ano? Quem chega em melhor forma? O quê que o histórico de confrontos nos mostra?

Real Madrid e Juventus já se encontraram nesta prova por 19 vezes. As estatísticas mostram equilíbrio entre as equipas: 8 vitórias para a Juventus, 9 vitórias do Real Madrid e apenas 2 empates. A primeira mão será em Turim onde os italianos venceram 6 dos últimos 7 jogos contra os merengues.

A Juventus ganhou as 4 eliminatórias em duas mãos. A mais recente foi em 2015, na meia-final. Na altura a primeira mão também foi em Turim e a Juve venceu por 2-1.Os golos da equipa da casa foram marcados pelo ex-Real Madrid Álvaro Morata e por Tévez. Cristiano Ronaldo marcou o golo dos “blancos”. Na segunda mão o jogo acabou empatado 1-1. A Juventus garantiu lugar na final que acabou por perder frente ao FC Barcelona.

Juventus

A “Vecchia Signora” conta com duas Champions no currículo (1985; 1996) e procura alcançar o trono do futebol europeu nesta nova geração. Esteve perto de o conseguir em 2015 e em 2017, anos em que conseguiu chegar à final mas que acabou por perder para o FC Barcelona e para o Real Madrid CF, respetivamente.

Comparativamente com o ano passado, o plantel da Juventus perdeu Dani Alves e Bonnuci. Dois pilares da defesa. No entanto reforçou-se com De Sciglio, Matuidi e Douglas Costa.

Com 29 jogos da Seria A disputados, a Juventus mantém uma luta acesa com o Nápoles pelo título. A ânsia de manter a hegemonia do futebol italiano será conjugada com o sonho de reinar na Europa. Qual será o resultado final?

 

Real Madrid

História. Esta parece ser a palavra que mais agrada aos madridistas. O seu hino começa com a ideia de “História que tu hiciste, história por hacer…” Isto reflete o objetivo do Real Madrid para esta temporada.

Já com 12 Champions nas vitrinas do museu, os merengues conseguiram no ano passado ser a primeira equipa a vencer duas edições seguidas da UEFA Champions League. Apesar disso, Zidane e os seus jogadores procuram este ano elevar a fasquia.

A La Liga está praticamente sentenciada para o lado do FC Barcelona (são 15 pontos que separam as duas equipas). Na taça do rei, o Real Madrid acabou por ser eliminado de forma surpreendente e até um pouco vergonhosa pelo Leganés. Isto deixa a equipa da capital espanhola apenas com uma frente de combate.

Durante o verão, o plantel do Real Madrid perdeu Pepe, James Rodriguez, Álvaro Morata e Mariano. Chegou apenas Vallejo e Dani Ceballos. A não substituição dos jogadores que saíram foi a causa dos adeptos apontarem para a má primeira metade da época. No entanto o rendimento do Real Madrid tem vindo a subir, principalmente nesta competição. Deixaram pelo caminho o PSG.

A principal arma dos merengues é Cristiano Ronaldo. O internacional português leva já 12 golos em 8 jogos na prova. Contra a Juventus tem 7 golos em 5 jogos, que dá uma média de um golo a cada 64 minutos. Foi considerado o homem do jogo na final do ano passado com dois golo marcados. Irá o português fazer a diferença novamente?

 

Estes são apenas alguns factos que tornam este duelo mais interessante. Resta-nos esperar pela hora do jogo e desfrutar!