A união fez a força

Sporting bateu o Paços de Ferreira em Alvalade depois de uma semana atribulada para o clube, que voltou, assim, às vitórias na Liga NOS.

A união fez a força
A união fez a força

O Sporting está de regresso aos triunfos no campeonato português. Na noite deste domingo, os 'leões' receberam e venceram o Paços de Ferreira por 2-0, em encontro válido pela 29ª jornada da Liga NOS.

Este foi o primeiro jogo do emblema lisboeta depois da derrota em Madrid, para a Liga Europa, e o consequente desentendimento entre Bruno de Carvalho e o plantel 'leonino', bastante criticado pelo seu presidente.

O líder 'verde e branco' fez mesmo nova publicação nas redes sociais poucas horas antes do início do encontro, mas os jogadores não se desconcentraram e fizeram, diante dos 'castores', o suficiente para ficarem com os três pontos. Mesmo depois de terem assinado uma exibição que deixou um pouco a desejar. Sobretudo, ao nível da criação de ocasiões de perigo, que foram bastante poucas.

Ainda assim, a equipa de Jorge Jesus fez-se valer da eficácia dos seus homens da frente para conseguir este importante triunfo. Aos 20 minutos de jogo, Bas Dost inaugurou o marcador, na sequência de um passe de cabeça de Bruno Fernandes, para Bryan Ruiz, já no segundo tempo, aos 65', fixar o resultado final, com um bom remate em jeito num lance no qual o guarda-redes Mário Felgueiras estava fora da baliza.

Os golos foram festejados em conjunto por todos os jogadores, incluindo os suplentes, sempre longe do banco, onde se encontrava Bruno de Carvalho. A união do plantel sportinguista foi, de resto, nota predominante em todo o desafio, até mesmo antes do apito inicial do árbitro - na habitual fotografia tirada ao onze titular, os jogadores do Sporting fizeram, com as mão, um gesto representativo de um coração. Uma clara mensagem para a massa adepta 'verde e branca', que aparenta estar com os seus futebolistas até ao fim.

O mesmo não se pode dizer em relação a Bruno de Carvalho, que foi recebido com um coro de assobios pelas bancadas de Alvalade. Durante o encontro, cantou-se, em mais do que uma ocasião "Bruno de Carvalho, pede a demissão".

Conflitos à parte, o importante para o Sporting foi ter alcançado a vitória na noite deste domingo. Um resultado que deixa os 'leões' na terceira posição da Liga NOS com 68 pontos, mais três que o Sporting de Braga, quarto classificado, e menos seis que o líder Benfica.

Uma estreia positiva

De realçar ainda a estreia a titular de Wendel pelo Sporting nesta partida com o Paços. O médio brasileiro de 20 anos, contratado ao Fluminense em janeiro, realizou o seu terceiro jogo oficial de leão ao peito, o primeiro no onze inicial de Jorge Jesus.

Diante dos 'castores', Wendel foi ganhando confiança e crescendo com o decorrer dos minutos, tendo acabado por deixar boas impressões. Saiu aos 67 minutos para dar lugar a Lumor.