Duelo entre vizinhos

É já esta terça-feira que os vizinhos belgas e franceses medem forças no primeiro jogo da semifinal do Campeonato do Mundo 2018, na Rússia.

Duelo entre vizinhos
Duelo entre vizinhos

Para chegar aqui, a Bélgica, eliminou o Brasil por 2-1, e a França, o Uruguai por 2-0, na passada semana, sendo as primeiras duas equipas a entrar em campo para discutir um lugar na final do dia 15, em Moscovo.


Neste Mundial, encontramos duas seleções muito equivalentes. Em cinco jogos, a França, venceu quatro e empatou apenas um contra a Dinamarca, contando com nove golos marcados e quatro sofridos. Já a Bélgica venceu os cinco com um total de catorze golos na baliza do adversário contra cinco que passaram as redes defendidas por Courtois.


No histórico de encontros entre estas duas seleções, contam-se 73 as partidas entre elas e têm sido os belgas que levam a melhor, vencendo 30 e perdendo 24, tendo o restante acabado em empate.


A partida que ditará o primeiro finalista vai ter lugar em São Petersburgo e o árbitro será o uruguaio Andrés Cunha, numa equipa constituída ainda pelos sul americanos, e uruguaios, Nicolas Taran, Mauricio Espinosa e ainda pelo mexicano César Ramos. Esta equipa contará com a ajuda do português Artur Soares Dias na qualidade de VAR. 


O vencedor conhecerá na noite de quarta-feira o adversário na final do Mundial, marcada para o dia 15 de julho, às 16h, na capital russa. Os derrotados da noite terão ainda a oportunidade de jogar para determinar o terceiro e quarto lugar. Este jogo terá lugar um dia antes, no dia 14, às 15h.