Mourinho em conversações com o Manchester United: com alguns anos de atraso?

José Mourinho pode devolver ao Manchester United o prestígio internacional que Louis van Gaal não tem conseguido recuperar para o gigante inglês nestes últimos dois anos.

Mourinho em conversações com o Manchester United: com alguns anos de atraso?
José Mourinho estará a caminho do Manchester United?

Dizia-se por altura da reforma de Sir Alex Ferguson que o seu sucessor seria José Mourinho e que o histórico técnico de nacionalidade escocesa preparou todo o cenário e procurou a todo o custo convencer o Special One que na época passada até foi Happy One a dar seguimento ao seu longo trajecto de sucesso no Manchester United. No entanto, o português terá recusado e dessa forma Sir Alex optou por um seu discípulo, compatriota e amigo, David Moyes. No entanto, a aposta acabou por sair ao lado, procedendo-se sem surpresa à mudança técnica numa troca que até ver não parece ter trazido uma melhoria assim tão significativa em termos de resultados. Desde que Louis van Gaal assumiu o comando, a grande progressão esteve no regresso do United à Liga dos Campeões depois de Moyes, numa época tão cedo não esquecida em Old Trafford, nem sequer ter qualificado a equipa para a Liga Europa. Todavia, não deve esquecer-se que para regressar à Champions, van Gaal necessitou de gastar quantias milionárias ao mesmo tempo que títulos… continuam a zero, sendo que na presente temporada as conquistas parecem efectivamente improváveis, o que tem criado um cenário de saída que segundo a conhecida cadeia televisiva BBC estará perto de consumar-se ao dar eco a presumíveis conversações adiantadas entre os ’red devils’ e José Mourinho.

Mourinho tem conseguido pelo menos ultrapassar a fase de grupos da Champions, ao contrário de van Gaal

A consumar-se este acordo, confirmar-se-á o que é visto como um amor antigo em sentido mútuo pois é conhecido o respeito tanto da parte do United em relação ao titulado treinador português como da parte deste em relação à tranquilidade e longevidade dos projectos do poderoso emblema inglês. Para mais, Mourinho poderia devolver ao Manchester United o prestígio internacional que nos últimos 2/3 anos tem faltado a um clube de tão gigante historial.

Mais do que a reconquista de títulos em Inglaterra, tem faltado a este United o poderio internacional de outrora que José Mourinho obtém nas equipas que treina em todos os anos, sendo que nas últimas duas épocas conseguiu vencer o seu grupo na Champions, na época transacta perante o Schalke 04 e na presente perante o Dínamo de Kiev, eliminando os portugueses Sporting e FC Porto repectivamente.

Trocar van Gaal por Mou pode ter diversos motivos, a começar pela forma como o holandês tem desaproveitado activos, a começar pelo português Nani, a quem não deu oportunidades até se concluir a sua saída, primeiro para o Sporting por empréstimo e depois em definitivo para o Fenerbahçe, mas acima de tudo por Ángel Di María, futebolista pelo qual o United ’perdeu a cabeça’ por insistência do seu técnico que não conseguiu retirar o seu melhor rendimento.

Distância pontual torna o título inglês distante e preocupa a estrutura do United

van Gaal não resistirá aos maus resultados
van Gaal não resistirá aos maus resultados

Um ano depois, foi o mesmo van Gaal quem deu o aval à sua saída, um equívoco que para cúmulo ainda tem tido seguimento até aos dias de hoje. Isto a juntar ao temperamento difícil do holandês e à sua complicada relação com a imprensa, sem esquecer uma curiosa tendência para o conflito com jogadores sul-americanos, em especial brasileiros - felizmente para o United que o único jogador dessa nacionalidade no plantel é o jovem Andreas Pereira... Não pode, de forma alguma, dissociar-se do experiente treinador a imagem de profissional de qualidade em termos tácticos, teóricos e práticos, mas o somatório de resultados e rendimento não parece indiciar um futuro longo em Manchester. Mais preocupante ainda é o cenário actual do United na Premier League, prova na qual poderá colocar-se a 13 pontos do líder Leicester caso seja derrotado este Domingo no terreno do Chelsea.

Um eventual desaire sentenciaria qualquer possibilidade de resgatar um título que começa a estar há muito distante das vitrinas do clube, fugindo por completo à realidade que se vivia com Alex Ferguson… e que raramente sucede com Mourinho, que colecciona títulos por onde passa e há muitos anos se dedica a vencer as maiores equipas inglesas. Em breve se saberá se é mesmo o United a próxima etapa na história deste vencedor natural de Setúbal.

Futebol Português