Arouca: Lito Vidigal, um dos destaques do Campeonato

O técnico mudou a mentalidade dos jogadores, e o Arouca está agora na luta por um lugar que dê acesso às competições europeias.

Arouca: Lito Vidigal, um dos destaques do Campeonato
Lito Vidigal, um dos destaques do Campeonato // Foto: Facebook do Arouca

Neste momento, o Arouca está em quinto lugar com 49 pontos, a apenas cinco do Braga, classificação que corresponde a um lugar na Liga Europa da próxima época. No último jogo foram ganhar ao terreno do Marítimo por 1-2, triunfando mesmo contra os grandes: venceram o Benfica por 1-0 e o F.C. Porto no Dragão por 2-1, mas contra o Sporting perderam os dois jogos. O grande responsável tem sido Lito Vidigal, que tem sabido mudar a mentalidade dos jogadores e incutir um espírito de vitória na equipa.

Sobre a campanha atual, o técnico refere que a equipa está bem e tudo é possível. “Os adeptos não pedem a Liga Europa, porque são conscientes do local onde estão inseridos. As pessoas são inteligentes e sabem que o futebol cresceu muito, muito depressa, mas eles lembram-se que o Arouca, há quatro ou cinco anos atrás, estava nas divisões secundárias. Nada retirará a época brilhante que eles (jogadores) estão a fazer. Se continuarem a trabalhar como estão a fazer, penso que podem fazer algo de estratosférico. Nos últimos 12 jogos, só perdemos na Luz e em Alvalade, empatámos quatro e ganhámos seis. Somos ambiciosos, temos uma atitude competitiva forte, encaramos todos os jogos sempre com a intenção de os vencer, independentemente do adversário e do estádio em que estamos a jogar. Por essa forma de pensar e por essa filosofia, nós estamos a três jornadas do fim, com possibilidades de fazer algo inédito”.

Mas a boa campanha do Arouca também se faz de jogadores decisivos: Rafael Bracali, David Simão, Nuno Coelho e Maurides têm sido alguns dos destaques da equipa.

Vidigal nasceu em Luanda a 11 de Julho de 1969 e foi internacional por esse país 16 vezes, jogando em clubes como o Campomaiorense ou Belenenses e, entre outros, treinando a seleção de Angola e o União de Leiria.

Futebol Português