Sporting: Leão tem 18 tentos sofridos em 18 jogos na Liga

O processo defensivo do Sporting está longe do registo da época passada. Em 18 jogos, os leões sofreram 18 golos, apenas menos 3 do que em todo o campeonato 2015/2016.

Sporting: Leão tem 18 tentos sofridos em 18 jogos na Liga
Foto: Facebook do Sporting Clube de Portugal

O 4-4-2 de Jorge Jesus está a anos luz de alcançar o rigor defensivo da época passada. O quarteto defensivo é praticamente o mesmo, a ideia de jogo é a mesma, mas na presente temporada a exigência do sistema táctico do treinador leonino não acompanha as alterações na equipa de um ano para o outro.

O processo defensivo está muito longe de ser apenas uma tarefa do quarteto mais recuado: depende do equilíbrio dos 3 sectores e depende da dinâmica e da polivalência dos médios, dos extremos e dos avançados. Ou seja, é inegável que Gelson e Dost são excelentes jogadores, mas neste sistema tão ofensivo falta claramente o equilíbrio que João Mário e Slimani ofereciam quando o Sporting não tinha posse de bola.

Para álem deste factor, foco também para o estado anímico dos leões, que faz com que a qualidade de jogo seja uma miragem do que foi na época anterior. Em 18 jogos, o Sporting já viu a bola entrar por 18 vezes na sua baliza, uma média de 1 golo sofrido por jogo. Para um candidato ao título é um registo miserável, restando ao treinador perceber que, para manter a mesma ideia de jogo, teria de ter jogadores com características semelhantes, algo que não se verifica neste plantel.

O péssimo registo defensivo é agravado ao observar que, nos 34 jogos da Liga NOS 15/16, os leões sofreram apenas 21 golos, somente mais 3 do que nos 18 duelos disputados esta temporada.