Liga Europa: 16avos de final

Jogou-se esta quinta-feira a primeira mão dos 16avos de final da Liga Europa. O Manchester United de Mourinho foi à Rússia empatar a um, enquanto que o Genk colcou-se praticamente na fase seguinte com uma vitória volumosa em casa do rival Gent. Relativamente às restantes partidas, tudo parece estar ainda em aberto.

Liga Europa: 16avos de final
Liga Europa: 16avos de final

FC Copenhaga 2-1 Ajax

Foto: uefa.com
Foto: uefa.com

Na capital dinamarquesa, o FC Copenhaga conseguiu uma importante vitória diante do Ajax. Os nórdicos começaram o jogo praticamente a ganhar; com efeito, apenas 28 segundos tinham passado desde o início do jogo, quando Rasmus Falk fez o primeiro para o Copenhaga.

Apesar de estar em vantagem, a formação dinamarquesa continuou a carregar; foi assim contra a corrente do jogo que o Ajax empatou a partida. Aos 32 minutos um cruzamento da direita encontra Dolberg que assim empata a partida.

Na segunda parte os escandinavos continuaram a dominar, conseguido o golo da vitória aos 60 minutos; à boa maneira nórdica, um cruzamento encontra a cabeça de Cornelius que desse modo deu a vitória à sua equipa, que assim leva vantagem de um golo para Amsterdão.

Rostov 1-1 Manchester United

Foto: uefa.com
Foto: uefa.com

Num mal tratado relvado russo, o Manchester United de José Mourinho conseguiu um bom resultado diante do FC Rostov. Os ingleses adiantaram-se no marcador ainda na primeira parte, graças ao bom golo de Mkhitaryan, depois de um cruzamento da esquerda.

Pouco a pouco, a equipa russa foi equilibrando a contenda, acabando por empatar já na segunda parte por intermédio de Bukharov. Com este resultado, os red devils estão em vantagem na eliminatória.

Apoel 0-1 Anderlecht

Foto: uefa.com
Foto: uefa.com

Os belgas do Anderlecht foram a Chipre arrancar uma preciosa vitória em casa do Apoel. Um golo solitário de Nicolae Stanciu deu o triunfo aos forasteiros, numa partida aribtrada pelo português Jorge Sousa.

Com este resultado, o emblema belga está em boa posição para garantir a passagem aos oitavos de final da Liga Europa.

KAA Gent 2-5 Genk

Foto: uefa.com
Foto: uefa.com

Num embate entre dois emblemas belgas, a vitória sorriu (e de que maneira) ao Genk. Os homens de Albert Stuivenberg adiantaram-se no marcador aos 21 minutos através de Malinovski. Contudo a equipa da casa soube responder, empatando a partida por Kalu aos 27 minutos.

O empate não durou muito tempo, pois seis minutos volvidos, Colley pôs o Genk novamente em vantagem. Os visitantes continuaram a carregar, marcando mais dois golos antes do intervalo; Samatta aos 41 e Uronen aos 47 deixavam o resultado em 1-4 ao intervalo.

Na segunda parte o Gent veio disposto a reduzir a desvantagem; aos 61 minutos um cabeceamento de Koulibaly fez o segundo da equipa da casa, dando assim a ideia de uma recuperação. Tal ideia poderia ter sido reforçada aos 68 minutos quando o Gent dispôs de uma grande penalidade. Contudo, Perbet não foi capaz de a converter em golo. Quem aproveitou foi o Genk para aumentar a vantagem aos 72 minutos, novamente por Samatta.

Foto: uefa.com
Foto: uefa.com

Com este resultado o Genk tem caminho aberto para os oitavos de final.

Schalke 1-1 Borussia Monchengladbach

Foto: uefa.com
Foto: uefa.com

Novo encontro entre equipas do mesmo país. Em Gelsenkirchen, Schalke 04 e Borussia Monchengladbach não foram além de um empate a um golo.

Foram os visitantes a inaugurar o marcador por volta dos 15 minutos, através de Hofmann. O Schalke conseguiu empatar dez minutos depois através de Burgstaller. O empate acaba por agradar mais aos comandados de Dieter Hecking, que partem em vantagem para o jogo da segunda mão.

Olympiakos 1-1 Besiktas

Foto: uefa.com
Foto: uefa.com

Mesmo resultado teve lugar no embate entre Olympiakos e Besiktas. No primeiro jogo após a saída de Paulo Bento, a equipa grega até marcou primeiro, por intermédio de Cambiasso, à passagem do minuto 36.

Contudo a equipa turca chegou ao empate na segunda parte. Aos 53 minutos Aboubakar aproveitou um erro adversário para empatar a partida, dando assim vantagem ao Besiktas para o jogo na Turquia,

Olympique Lyon 4-2 AS Roma

Foto: uefa.com
Foto: uefa.com

Em França o Lyon deu um passo importante rumo à próxima fase com um triunfo por 4-2. Os gauleses adiantaram-se no marcador por Diakhaby logo aos oito minutos. Contudo, foi o autor do golo que esteve na origem do tento do empate. Aos vinte minutos, Diakhaby escorregou e Salah seguiu isolado para a baliza, fazendo o empate.

Os italianos conseguiram dar mesmo a volta ao resultado pouco depois da meia-hora. 33 minutos e o cruzamento de De Rossi a encontrar a cabeça de Fazio, que fez assim o 1-2.

Contudo a segunda parte da equipa da casa foi demolidora. Os gauleses empataram logo aos 47 minutos por Tolisso. O Lyon continuou a controlar e acabou mesmo por recolocar-se em vatangem. À passagem do minuto 74 o recém-entrado Fekir concluiu da melhor maneira uma boa jogada individual.

Se 3-2 nem era um mau resultado para a Roma, já 4-2 não teria a mesma interpretação. Dois minutos depois dos 90, Lacazette fez o golo da noite, selando o resultado final com um remate de fora da área.

Celta 2-1 Krasnodar

Foto: uefa.com
Foto: uefa.com

Finalmente temos a difícil vitória do Celta de Vigo diante do Krasnodar. Em pleno Estádio dos Balaídos, a equipa da casa adiantou-se no marcador nos primeiros minutos da segunda parte.

Com 50 minutos jogados, Daniel Wass surpreendeu tudo e todos com um livre directo superiormente marcado, inaugurando o marcador. Contudo, e apesar de jogar fora, a equipa russa soube reagir. Aos 56 minutos, Claesson conclui dentro da área uma boa iniciativa individual e empata a partida.

Foto: uefa.com
Foto: uefa.com

A vitória do Celta só chegaria em cima do minuto 90 quando Beauvue, de cabeça, fez o resultado final, dando uma curta vantagem à equipa espanhola para a partida da segunda mão.

Futebol Português