Arouca x Porto : Liderança segura no fim de semana

O FC Porto somou esta noite a 9ª vitória consecutiva na edição deste ano da Liga Nos. Numa noite em que o resultado demorou 15 minutos a mudar, Soares bisou, Jota marcou e Danilo fez os adeptos felizes. 3 pontos conquistados com 62 pontos no bolso que valem a liderança do campeonato, pelo menos,  até segunda feira.

Arouca x Porto : Liderança segura no fim de semana
| Foto: MaisFutebol

O FC Porto continua na luta pelo título! Esta noite os azuis e brancos foram até Arouca e venceram com quatro golos marcados sem resposta. A equipa de Manuel Machado bem tentou contrariar as jogadas ofensivas, mas a verdade é que nada havia a fazer... Para uns ganharem, outros têm mesmo de perder. 

Só custa entrar o primeiro 

Para quem viu o jogo desde o início, a ideia de que o FC Porto iria ter dificuldades a lidar com o Arouca pareceu uma certeza. As linhas muito juntas e a boa organização quer a nível defensivo, quer a nível ofensivo estavam a dificultar e muito a vida aos azuis e brancos, mas basta percebermos que bastaram 3 remates à baliza para os Dragões marcarem para compreendermos que foi sol de pouca dura do lado dos arouquenses.

O primeiro a fazer os adeptos felizes foi mesmo Danilo, na sequência de um livre cobrado por Brahimi. O internacional português subiu ao terceiro andar para fazer a vida negra aos centrais do Arouca e colocou, de cabeça, a bola no fundo das redes de Bracali, 1-0 para os visitantes. 

Era esperado que o golo fizesse surgir uma reacção entusiasta por parte da equipa de Manuel Machado, mas a verdade é que nada disso aconteceu. O Arouca perdeu a concentração e aos 25' foi a vez de voltar a ver Tiquinho Soares fazer o 2-0. 

Soares volta a facturar com a camisola do Porto | Foto: MaisFutebol
Soares volta a facturar com a camisola do Porto | Foto: MaisFutebol

Depois de uma recuperação de bola por parte de Óliver, os arouquenses só tiveram tempo de reagir depois da cabeçada de Soares no centro da área. Mas ainda antes do intervalo, o golo parecia certo, e mais uma vez.... Soares foi o protagonista. 

O brasileiro tem feito a delícia de tudo e de todos e aos 39' o cabeceamento saiu de raspão. Já o Arouca ainda conseguiu obrigar Casillas a marcar presença no jogo, mas sem males de maior para o guarda-redes espanhol. 

Chamam-lhe trio de ataque 

Muita calma que ainda havia uma segunda parte para jogar e Nuno Espírito Santo exigiu, de certeza, a entrega e a concentração dos Dragões ao longo de toda a segunda metade. Bastou para isso ver a entrada do Porto na segunda metade. 

Dono e senhor do jogo ao longo dos últimos 2/3 da primeira parte, o FC Porto fez o que quis perante o Arouca, prova disso mesmo é que nem as entradas de Artur e Walter González resultaram para os pupilos de Manuel Machado. Já do lado azul e branco, Nuno Espírito Santo fez sair o menino de ouro, André Silva, e fez entrar Diogo Jota. 

Maxi voltou ao 11 e às assistências esta noite | Foto: MaisFutebol
Maxi voltou ao 11 e às assistências esta noite | Foto: MaisFutebol

E bastaram pouco mais de 30 segundos para ver o golo nascer. Aos 72' e depois de uma tabelinha entre Brahimi e Soares, Jota aproveitou e foi já deitado no chão em frente a dois homens do Arouca que fez o 3-0. 

O resultado parecia estar feito, mas a verdade é que ainda antes dos 90 foi a vez de Soares voltar a dizer quem manda. Depois de Jota ter libertado Maxi Pereira, o uruguaio fez meio golo no cruzamento perfeito de Soares. 3-0 aos 87', 3 pontos no bolso e com a liderança do campeonato segura pelo menos até à visita do Benfica a Belém. 

Futebol Português