Especial Sporting x Porto: William vs Danilo, centro de luxo

O clássico de Domingo contará com dois dos melhores trincos do mundo. William vs Danilo, o duelo de campeões da Europa que fará pender o equilíbrio ou para o leão, ou para o dragão.

Especial Sporting x Porto: William vs Danilo, centro de luxo
Especial Sporting x Porto: William vs Danilo, centro de luxo

O duelo de gigantes da jornada 8 da Liga NOS terá nas 4 linhas um verdadeiro luxo no meio campo de Sporting e Porto. Nos grandes jogos o sucesso está intimamente relacionado com a tranquilidade e o equilíbrio que os trincos oferecem, na garantia de que a dinâmica da defesa e do ataque é feita eficazmente. O embate é de gigantes, e para o Sporting x Porto quem melhor do que William Carvalho e Danilo Pereira para valorizar o espectáculo? Ambos são cobiçados pela Europa, ambos disputam a titularidade nas quinas e ambos são campeões europeus.

O leão William esteve com um pé fora de Alvalade, mas foi com garra felina que assumiu a responsabilphdade de envergar a braçadeira da equipa orientada por Jesus. Na presente temporada, o 6 verde e branco já alinhou em 4 ocasiões e tem vindo a formar uma dupla fortíssima com o irrequieto Battaglia. Ainda recentemente, diante o Barça, foi visível que os dois jogadores vão alternando as posições de 6 e 8 estrategicamente. William sabe sair a jogar, tem uma visão de jogo soberba e ganha maior liberdade para construir jogo desde que Battaglia integrou as escolhas de Jesus. O argentino alterna funções com o português, o que reforça a imprevisibilidade na primeira fase de construção do leão.

Diante o Porto, William terá o papel de tentar equilibrar e garantir que o Sporting se mantém tranquilo na abordagem ao jogo. É espectável que, jogando em casa, o leão assuma as rédias do jogo, algo que acentua a importância do trinco formado em Alcochete na criação criteriosa do futebol perfumado dos pupilos de Jesus. William será também um trunfo no jogo aéreo, tanto no capítulo defensivo como ofensivo, tendo já registado esta época golos pelo Sporting e pela Seleção.

O muro do dragão tem o nome de Danilo Pereira e será certamente um dos principais focos tácticos de Conceição para bater o leão. O trinco azul e branco é um indiscutível no 11, e à semelhança de William também resistiu ao interesse do mercado. Danilo é totalista na Liga e seja com Herrera, Oliver ou André André, o seu posto está sempre assegurado. Tendo em vista a postura um pouco mais cautelosa do Porto em Alvalade, Danilo será o pilar que irá dar cobertura aos centrais e que irá provavelmente perseguir Bruno Fernandes.

Danilo é imperial na recuperação do esférico e terá a função de impulsionar os dragões para ataques rápidos e ferozes. Com uma robustez física incrível, o jogador não é tão forte no capítulo do passe longo, mas na hora de recuperar a bola e servir Oliver e Herrera, garante potenciais lances que surpreendam os leões. O médio luso é goleador e promete ser um trunfo para bater Patrício. Os equilíbrios do jogo portista dependem de Danilo, não existindo nenhuma alternativa válida ao trinco, o que diz muito da dependência do craque luso para desenvolver a ideia de jogo de Conceição. Em que meio estará a virtude do clássico?

Futebol Português