Paços Ferreira x Dnipro, directo
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match

Final. Isto é tudo pela nossa parte, conviidamos-lhes a seguir todo o futebol português em VAVEL.com, assim como os jogos . Especialmente o próximo Clássico entre F.C. Porto e Sporting. Boa noite!!

Final. O Dnipro tem feita a classificação, já que supera ao terceiro e o quarto em 5 pontos. Se continuam com a série de vitórias, jogaram-se o primeiro lugar contra a Fiorentina no último jogo.

Final. Mais uma vez, fraca imagem dos 'castores' que não sabem a que jogam no ataque nem têm intensidade no balanço defensivo. Muito trabalho para um Costinha que já sabe que os adeptos não estão do seu lado.

FINAL. Paços de Ferreira 0-2 Dnipro. Golos de Rotan e Konoplyanka.

90'+3. Com estes resultados o Grupo E da Liga Europa está quase resolvido, pelo menos o que refere-se ao classificados, com Fiorentina (9 pontos), Dnipro (6), Paços e Pandurri (1)

90'. Mais quatro minutos de compensação do jogo.

88'. Se escutam gritos pedindo a demissão do Costinha entre os poucos adeptos pacenses que há nas bancadas.

85'. Konoplyanka contra o mundo e vence. Ganha em velocidade à defensa do Paços de Ferreira e bate com facilidade ao Filipe, os três pontos estão na mão do Dnipro.

85'. GOOOOOOOOLOOOOOOOOOOO!!!

82'. Rusian Rotan aproveita um cruzamento de Konoplyanka para pôr ao Dnipro na vantagem

82'. GOOOOOOOOLOOOOOOOOOOO!!!

81'. Sai Rui Miguel e entra Irobiso.

78'. Agora era Bebé quem tentava surprender com uma grande lançamento desde longe, o Boyko responde bem e não há mais perigo.

75'. Mais um golo noutro jogo do Grupo E. Fiorentina 3-0 Pandurii.

73'. Rúbem Ribeiro!!! Roubo no meio campo do Paços e Bebé consegue aguentar até a chegada do médio que rematou desde a frontal da área para uma grande defesa do Boyko.

70'. Faltam vinte minutos para acabar o jogo e não há dono claro, embora os visitantes atacam mais e com melhores ideias.

67'. Última substituição do Dnipro, sai Bruno Gama e entra Matheus, velho conhecido do futebol luso.

64'. Começa o movimento na equipa do Costinha, que precisa de mais movimentos no ataque. Entra Rúben Ribeiro e sai Manuel José.

60'. O Dnipro consegue chegar à área local mas não encontra o caminho da baliza do Filipe.

58'. Juande Ramos volta a mexer seu banco, sai Kalinic e entra Seleznyov.

55'. Neste início da segunda metade o Paços de Ferreira está a pressionar mais longe da sua área e complica a criação do futebol dos ucranianos.

52'. Primeira substituição do Dnipro, sai Kankava e entra Guiliano.

48'. Rui Miguel!!! Isolado ante o guarda-redes do Dnipro rematou fora um livre marcado por Manuel José.

45'. Começa a segunda metade sem alterações nas equipas.

Intervalo. Lembrem o resultado noutro jogo do grupo, Fiorentina 2-0 Pandurii.

Intervalo. Pelo Dnipro faltou profundidade e aproveitar os espaços que deixou a equipa local. Também o grande erro do António Filipe foi equilibrado por o erro do Kalinic no remate a seguir. Na segunda metade devem de aproveitar melhor as jogadas a bola parada, facto que não aconteceu na primeira parte.

Intervalo. Fraca exibição das duas equipas em Guimarães. A equipa local precisa de mais movimentos quando tem a posse da bola e só Bebé está a fazer um bom trabalho nas áreas mais avançada do ataque pacense.

Intervalo. Final da primeira parte, Paços de Ferreira 0-0 Dnipro.

45'. Mais dois minutos nesta primera parte.

40'. Acabamos de assitir a um grande exemplo dos problemas deste Paços: um ataque com a posse da bola e que só chegam três homens as posições avançadas, o resto dos jogadores demorou muito e deu tempo à defensa do Dnipro a chegar bem.

37'. Mais um pontapé livre para o Dnipro que é marcado sem perigo quando a Fiorentina faz o 2-0 ao Pandurii (Ryder).

35'. O Paços sigue sem criar jogo ofensivo e é o Dnipro quem manda na partida. Muitos cantos a favor dos ucranianos que ainda não conseguiram convertir em golo nenhuma das oportunidades.

32'. Aqui o momento em que Kalinic falha isolado depois do erro de António Filipe (via UEFA.com

29'. Noutro jogo do grupo E já há golos. Fiorentian 1-0 Pandurii golo do espanhol Joaquín.

26'. Após dum início com os ucranianos a dominar o jogo, agora são as impresições as que estão impor-se.

22'. É verdade que o Paços Ferreira conseguiu parar o forte ataque inicial do Dnipro, mas não está a criar jogo ofensivo para si.

19'. Erro do Filipe quando ia a bater a bola e o Kalinic envia muito alta a bola de prenda do guarda-redes pacense.

16'. Grande defesa do Boyko a um lançamento desde longe de Sérgio Oliveira. Com pouca coisa tem conseguido duas chegada perigosas o Paços

13'. Quase supreende o Paços com uma bola longa que Bebé não chega por pouco.

10'. Ainda não ultrapassou o meio campo a equipa do Costinha e é o Dnipro quem leva o pesso do jogo.

7'. Está mesmo adiantado a equipa ucraniana e para o Paços é complicado sair com a bola controlada. Os visitantes já tiveram três oportunidades para bater ao Filipe.

4'. Primeiro remate do jogo, desde longe e a favor do Dnipro.

0'. JÁ RODA A BOLA EM GUIMARÃES!!!!

20:03. As equipas estão sobre o relvado e está tudo pronto para começar o jogo entre Paços Ferreira e Dnipro!!

19:40. Já temos os onzes iniciais:

Paços Ferreira:
Filipe; Tony, Ricardo, Tiago Valente, Nuno Santos; André Leão, Michael Seri; Manuel José, Sérgio Oliveira, Rui Miguel; Bebé.

Dnipro: Denys Boyko; Ondrej Mazuch, Vitaliy Mandzyuk, Yevhen Cheberyachko, Strinic; Jaba Kankava, Ruslan Rotan; Roman Zozulya, Bruno Gama, Yevhen Konoplyanka; Kalinic.

17:30. Isto foi o que o Paços Ferreira fiz nas duas primeira jornasa

Contra o Pandurii

Contra a Fiorentina


16:20. O árbitro do jogo será o francês Tony Chapron de 41 anos e que já apitou nesta época jogos da Liga Europa. É profissional desde o ano 2001 e internacional desde 2008, tem experiência em partidas de seleções e na Champions League e soma mais de 250 jogos em total.

16:00. Os dois treinadores têm uma trajetória bem diferenciada, primeiro porque no lado luso está um ex-jogador importante que agora prova sorte como responsável duma equipa e depois porque o clube ucraniano está dirigido por Juande Ramos, todo um bicampeão da Taça da UEFA (2006 e 2007) e que é agora que volta a ter sucesso como treinador depois de alguns projetos que saíram mal.

15:20. No lado dos visitantes a situação está mais calma na Liga, com o terceiro lugar e a tão só um ponto do líder com quem deve jogar para ficar com os mesmos jogos que o resto das equipas. Do mesmo modo que a vitória é vital para o Paços, para o Dnipro pode supor ter o apuramento na mão com seis pontos e falatando ainda dois jogos na Ucrânia.

15:10. A equipa do Costinha sabe que depois do empate com o Pandurii e com uma vitória hoje chegaria ao segundo lugar da classificação, aumentando as hipóteses no apuramento e abriria uma bonita batalha com o clube da Ucrânia. Embora os três pontos teriam uma importância maior já que os 'castores' apenas conhecem a vitória nesta época, na qual só conseguiram ganhar ao Marítimo.

15:00. Ainda faltam algumas horas para o jogo entre Paços de Ferreira e Dnipro do Grupo E da UEFA Europa League 2013/14 e onde as duas equipas vão a procurar a vitória para ter intatas as possibilidades de apuramento depois desta 3ª jornada. O jogo irá a disputar-se no estádio Dom Afonso Henriques de Guimarães, uma vez que a Mata Real ainda não cumpre os requisitos da UEFA.

VAVEL Logo