1-0, Siqueira (15'); 2-0 Cardozo (48')
Benfica x Nacional, directo

Benfica x Nacional, directo

joni-francisco
Joni Francisco
BenficaArtur, Maxi Pereira, Siqueira (André Almeida, 27'), Garay e Luisão; Matic e Enzo Pérez; Gaitán, Ivan Cavaleiro (Ola John, 82'); Rodrigo (Rúben Amorim, 64') e Cardozo
NacionalGottardi, João Aurélio (Rafa, 62'), Marçal, Mexer, Miguel Rodrigues; Aly (Barcellos, 46'), Jota, Claudemir; Candeias, Rondon (Lucas João, 62') e Djaniny
ÁRBITROJorge Ferreira; Amarelos: João Aurélio (55'); Djaniny (69')
INCIDENCIASOitava jornada da Liga Zon-Sagres, Estádio da Luz.
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match
1-0, Siqueira (15'); 2-0 Cardozo (48')

O Benfica venceu o Nacional por 2-0 e teve momentos de bom futebol. Na Luz, os encarnados voltaram às exibições agradáveis, apesar de continuarem sem nota artística elevada. Siqueira, ao minuto 15, colocou a equipa de Jorge Jesus na frente do marcador e, logo no início do segundo tempo, Cardozo confirmou a sua apetência para marcar ao Nacional, fazendo o 2-0 final. As águias tiveram oportunidades suficientes para dilatar o marcador, sobretudo por Ivan Cavaleiro e Cardozo, mas a mira não esteve muito afinada. Agora, é esperar para ver o resultado do Clássico mas é certo que o Benfica vai recuperar pontos pelo menos face a um dos dois rivais directos.

90+3'. FINAL DO JOGO!

90+2'. Excelente jogada de envolvimento na direita do ataque encarnado, com Cardozo a dar a Gaitán que, de calcanhar, coloca em Maxi mas o cruzamento do uruguaio sai com demasiada força.

90'. Vamos ter mais três minutos de jogo.

90'. Último fôlego do Nacional: Candeias numa correria sobre a esquerda cruza com peso e medida mas André Almeida surge bem posicionado para o corte de cabeça. 

88'. Ola John pouco convincente na esquerda mas consegue dar a bola a Cardozo que, à entrada da área e descaído sobre a esquerda, procura colocar o esférico com o pé direito no ângulo da baliza de Gottardi. A bola sai milímetros acima do travessão. Era um golaço!

85'. Boa combinação entre Gaitán e Cardozo, com  o extremo argentino a rematar contra o corpo de um adversário. A bola seguiu e logo depois é Ola John quem aparece em boa posição, corta para dentro, mas também não consegue evitar que o seu remate fosse bloqueado pela defesa nacionalista.

83'. Os adeptos encarnados entoaram cânticos para Ivan Cavaleiro. É a nova coqueluche das bancadas.

82'. Substituição no Benfica: sai Ivan Cavaleiro, entra Ola John.

81'. Ivan Cavaleiro no chão. Está com cãibras.

79'. O Nacional parece um pouco conformado com o resultado e vai trocando a bola na sua zona recuada. O Benfica procura sair para o contra-ataque e, num desses lances, Ivan Cavaleiro tira um bom cruzamento na esquerda e Mexer, com um excelente corte, evita que o esférico chegue a Cardozo.

77'. Fora de jogo de Diego Barcellos.

76'. Djaniny volta a ter espaço para cortar para dentro e rematar forte. Desta vez a bola sai na direcção da baliza mas Artur segura, com alguma dificuldade. Está a ter muito espaço o avançado cabo-verdiano.

73'. Lançamento lateral longo de Claudemir, que agora joga na lateral direita, mas Maxi consegue aliviar.

Estão 35 mil adeptos na Luz. Abaixo das previsões dos responsáveis encarnados e da casa registada contra o Olympiakos.

70'. Cruzamento perigoso de Candeias na direita e Artur a sacudir a bola perante pressão de Lucas João.

69'. Cartão amarelo para Djaniny, por falta sobre Matic.

68'. Gaitán, de trivela, encontra Ivan Cavaleiro na esquerda mas o jovem não consegue ultrapassar Gottardi. Mal na finalização, mas cheira o golo.

66'. Remate forte de Djaniny que coloca Artur em sentido. Ameaça de novo o Nacional.

64'. Substituição no Benfica: sai Rodrigo, entra Rúben Amorim.

63'. Cabeceamento de Miguel Rodrigues, depois de canto na esquerda. Perigo para o Nacional!

62'. Dupla substituição no Nacional: saem João Aurélio e Rondon, entram Rafa e Lucas João.

62'. Cruzamento tirado na esquerda do ataque do Nacional, por Candeias, e a bola sai directa para a baliza mas Artur mostrou-se atento e desviou para canto.

61'. Rodrigo a aparecer com espaço na esquerda e, junto à linha de fundo, cruza rasteiro e atrasado para a entrada da área onde aparece Ivan Cavaleiro a rematar de pé esquerdo para defesa de Gottardi.

59'. Cardozo por cima! A bola sobra para o paraguaio à entrada da área e este não hesitou em rematar forte de pé direito. 

Manuel Machado arriscou para o segundo tempo ao tirar um trinco, lançando Barcellos, um médio ofensivo, para o seu lugar. Claudemir ocupou o lugar mais recuado do meio-campo madeirense. Mas o técnico alvinegro não contava com novo golo dos encarnados logo a abrir o segundo tempo.

56'. Que pormenor de Ivan Cavaleiro! O jovem atacante português aparece na área, dribla um adversário com classe e tenta servir um companheiro na área mas Gottardi afasta para canto.

55'. Cartão amarelo para João Aurélio.

54'. Candeias recebe a bola na esquerda com espaço, corta para dentro e remata cruzado mas Artur segura sem dificuldade.

51'. Rodrigo aparece bem e com espaço mas demora no passe para Ivan. Quando solta a bola, o esférico sai com muita força e a jogada perde-se. Logo a seguir, o mesmo Rodrigo perdeu novo duelo e ouviu assobios da Luz.

48'. Grande jogada de Gaitán que tira um adversário do caminho e isola Cardozo que, à saída de Gottardi, coloca a bola rasteira no fundo das redes. Golo importante do Benfica, logo a abrir o segundo tempo.

48'. GOOOOOOOOOOOOOOLOOOOOOOOOOO!

46'. Recomeça bem o Benfica com Cardozo a servir de pivot e a endoçar abola para Gaitán que remata forte e ligeiramente ao lado da baliza.

46'. Substituição no Nacional: sai Aly Ghazal e entra Barcellos.

46'. Recomeça o jogo na Luz. 

O Benfica chega ao intervalo na frente do marcador (1-0) e vai justificando a vantagem. Siqueira, aos 15 minutos, culminou uma excelente jogada de entendimento com Cardozo e vai fazendo, para já, o resultado. Os encarnados parecem ter adormecido um pouco depois do golo mas surgiram novamente fortes nos últimos quinze minutos, com oportunidades claras de golo. Destaque para Cardozo que, ao minuto 35, apareceu em excelente posição mas rematou fraco e sem convicção, permitindo a defesa de Gottardi. Nota ainda para a lesão de Siqueira que foi substituído aos 27 minutos por André Almeida.

45+1'. Intervalo no Estádio da Luz.

45+1'. Canto na esquerda do ataque do Nacional, batido por Candeias, com a bola a ser aliviada e a sobrar para Jota que arma o remate. A bola não passou muito longe do alvo.

45'. Vamos ter mais um minuto de jogo no primeiro tempo.

44'. Cruzamento na direcção de Ivan Cavaleiro que, na esquerda, remata mal de pé esquerdo. Muito activo Ivan Cavaleiro mas falta a finalização.

43'. André Almeida e Ivan Cavaleiro com bom entendimento na esquerda mas Rodrigo não dá o melhor seguimento.

41'. Canto na direita e Luisão volta a cortar nas alturas.

40'. Péssimo passe de Enzo Pérez em zona proibida. Candeias fica com o esférico e cruza para a cabeça de Djaniny mas Luisão chega mais alto e resolve. Jogada muito semelhante à que deu golo ao Olympiakos na quarta-feira.

39'. Miguel Rodrigues ganha sobre Rodrigo mas cede canto para o Benfica. Enzo bateu na esquerda mas a defesa do Nacional cortou sem dificuldade.

38'. Grande passe de Enzo Pérez a encontrar Ivan Cavaleiro que corta para dentro e remata de pé esquerdo sobre a baliza de Gottardi.

37'. Falta de Enzo Pérez sobre Marçal na esquerda do ataque encarnado, depois de boa jogada entre Gaitán e André Almeida na esquerda. Está melhor o Benfica.

35'. Boa jogada de envolvência do Benfica na esquerda, com grande trabalho de Matic a ultrapassar três adversário e a cruzar para a área. Rodrigo apanhou as orelhas da bola e esta sobra para Cardozo que, displicente, atira para defesa de Gottardi. Grande oportunidade para o Benfica!

34'. Rodrigo trabalha bem o esférico na direita e arma o remate que sai forte mas muito por cima da baliza.

32'. Cardozo trabalhou bem uma bola junto à linha de fundo, tocou o esférico para Ivan na direita que cruzou rasteiro. Má decisão.

31'. Cardozo sofre falta de Mexer. Ivan Cavaleiro bate o livre rápido e isola Rodrigo que, com o pé direito, falha o alvo. Inteligente agora o jovem Ivan Cavaleiro a perceber a oportunidade para criar perigo. 

30'. Bonita jogada entre Maxi e Ivan Cavaleiro, com este último a tocar de calcanhar para a entrada da área mas o uruguaio chega ligeiramente atrasado e permite o corte.

29'. Rondon apanhado em posição irregular.

28'. André Almeida posiciona-se na lateral esquerda e Maxi continua na direita. O latera português já conhece os terrenos que vai pisar.

27'. Substituição no Benfica: sai Siqueira, entra André Almeida.

27'. Siqueira não está em condições, vai ter mesmo que sair. Parece um problema muscular.

25'. Canto para o Nacional. Claudemir bateu na direita, a bola sobrou para a esquera e saiu novo cruzamento para a área. Fase de maior assédio à baliza encarnada.

24'. Siqueira no chão em dificuldades. O lateral esquerdo vai abanando a cabeça enquanto é assistido pelos médicos do Benfica.

23'. Falta de Maxi sobre Candeias.

21'. Rodrigo vem buscar o esférico a terrenos recuados e encontra Ivan Cavaleiro nas costas da defesa do Nacional mas o jovem chega atrasado ao esférico e Mexer ganha o pontapé de baliza.

20'. Fora de jogo de Djaniny que aparecia na cara de Artur.

18'. Livre perigoso para o Nacional sobre a direita. O brasileiro Claudemir remata por fora da barreira mas Artur mostrou-se atento e sacudiu o esférico.

15'. Excelente jogada na esquerda do ataque do Benfica com Siqueira a aparecer em terrenos ofensivos e a combinar com Cardozo. O paraguaio isolou o lateral esquerdo na cara de Gottardi e o esquerdino mostrou frieza na hora da finalização. Está na frente o Benfica!

15'. GOOOOOOOOOOOOOLOOOOOOOOOOOO!

14'. Incursão na direita do ataque do Nacional, cruzamento a partir e Artur com uma palmada impede que o esférico chegue ao avançado.

12'. Maxi aparecer com espaço na direita mas cruza com muita força. Rodrigo ainda chega à bola mas, já sem ângulo, atira para fora.

11'. Canto na esquerda batido por Enzo Pérez e Djaniny corta para novo canto.

10'. Falta dura de Aly Ghazal sobre Maxi. Pedem cartão os adeptos encarnados.

9'. Falta de Siqueira sobre Claudemir. Canto de mangas arregaçadas para o Nacional, sobre a direita do ataque. Claudemir bateu para a área, Cardozo cortou, e Candeias apareceu à entrada da área a rematar muito por cima.

6'. Saída corajosa de Artur aos pés de Rondon.

6'. Remate de Rodrigo mas a bola resvala num defesa e sobra fácil para Gottardi.

5'. Candeias aparece com espaço na esquerda mas cruza mal. Artur segura sem dificuldades.

3'. Grande passe de Cardozo para Ivan Cavaleiro que, na direita, cruza para corte da defesa nacionalista. Ganhou o canto o Benfica.

2'. Ivan Cavaleiro aparece no chão a queixar-se do rosto. Houve um choque com Mexer dentro da área.

1'. Canto para o Benfica do lado direito do ataque. Gaitán bate rasteiro para a entrada da área, bola sobra para Enzo que, com o pé esquerdo, remata por cima da baliza.

17:15. Rola a bola na Luz! Sai o Nacional.17:05. Vai ficando bem composto o Estádio da Luz. As previsões dos responsáveis encarnados apontavam para mais de 40 mil espectadores, na melhor casa da época. A 10 minutos do início do jogo, parece que teremos números próximos dos de quarta-feira, quando estiveram mais de 38 mil a assistir ao Benfica-Olympiakos.

17:00. Jorge Ferreira foi o árbitro nomeado para este jogo. Será auxiliado por Inácio Pereira e Cristóvão Moniz. Bruno Esteves é o quarto árbitro.

16:45. Sem surpresas o onze inicial do Nacional da Madeira, até porque Manuel Machado não tinha feito segredo da formação que iria apresentar. No Benfica, destaque para as inclusões de Maxi Pereira, Ivan Cavaleiro e Rodrigo que, relativamente ao onze apresentado contra o Olympiakos, substituem André AlmeidaOla John e Lima.

16:35. Já temos onzes oficiais. O Benfica jogará com: Artur, Maxi Pereira, Siqueira, Garay e Luisão; Matic e Enzo Pérez; Gaitán, Ivan Cavaleiro; Rodrigo e Cardozo. Nacional da Madeira com: Gottardi, João Aurélio, Marçal, Mexer, Miguel Rodrigues; Aly, Jota, Claudemir; Candeias, Rondon e Djaniny.

14:20. Na antevisão ao jogo, Jorge Jesus admitiu que a sua equipa não está a jogar o futebol que habituou os adeptos e vincou que o regresso às boas exibições é uma questão de tempo. Já Manuel Machado abriu o jogo e divulgou o onze inicial: Gottardi, João Aurélio, Miguel Rodrigues, Mexer e Marçal, Aly, Claudemir, Jota, Candeias, Rondon e Djaniny

14:15. No jogo de hoje, Oscar Cardozo pode chegar à impressionante marca de 100 golos no Estádio da Luz, bastando para isso apontar um tento. E o paraguaio até encontra a sua vítima preferida, o Nacional da Madeira. Foi contra os madeirentes que o Tacuara se estreou a marcar pelo Benfica, em setembro de 2007, e em 12 jogos contra este adversário, o avançado apontou 11 golos.

14:10. Manuel Machado chamou 18 jogadores para a deslocação ao Estádio da Luz. A saber: Ricardo Baptista e Gottardi; Claudemir, João Aurélio, Marçal, Mexer, Miguel Rodrigues; Rafa, Jota, Campos, Renato, Diogo, Diego; Candeias, Aly, Lucas, Djaniny Rondón.

14:00. Jorge Jesus já divulgou a lista de convocados, na qual se destaca o avançado argentino Funes Mori. Ao todo, o técnico encarnado chamou 19 jogadores, pelo que um ficará na bancada. A lista de Jesus: Artur e Oblak; André Almeida, Maxi Pereira, Siqueira, Luisão, Garay e Jardel; Matic, Enzo Pérez, Rúben Amorim, Gaitán, Ola John, Ivan Cavaleiro e Djuricic; Cardozo, Lima, Rodrigo e Funes Mori.

14:00. Contudo, a sétima jornada já foi disputada há algum tempo, com jogos de Selecções, Taça de Portugal e Competições Europeias pelo meio. E tendo essas competições em consideração, ambas as equipas chegam ao embate da Luz com alguma pressão extra depois de resultados menos convincentes. O Nacional da Madeira foi eliminado da Taça de Portugal pelo modesto Santa Maria, enquanto que o Benfica passou com dificuldades o Cinfães mas, a meio da semana, não foi além de um empate caseiro contra o Olympiakos, em jogo a contar para a Liga dos Campeões.

13:50. Para jogos do campeonato, ambas as formações chegam à oitava jornada depois de vitórias importantes. O Nacional recebeu e bateu (3-0) o Sporting de Braga, enquanto que o Benfica foi à Amoreira vencer o Estoril por 2-1.

13:40. Para além de apenas um ponto separar as duas equipas. o registo entre ambas é manifestamente semelhante. Entre golos marcados e sofridos, o Benfica até está atrás do Nacional. A equipa de Manuel Machado leva 12 golos marcados e 7 sofridos (+5 na diferença de golos), enquanto que a formação orientada por Jorge Jesus marcou 11 tentos e consentiu os mesmos 7 (+4).

13:30. Este domingo de futebol não ficará apenas marcado pelo Clássico entre FC Porto e Sporting, no Estádio do Dragão. Na Luz, o Benfica, actual terceiro classificado, recebe o Nacional da Madeira que se encontrava num surpreendente quarto posto à partida para a oitava jornada (entretanto foi ultrapassado pelo Gil Vicente que ontem ganhou ao Rio Ave em Vila do Conde). Apenas um ponto separa encarnados e madeirenses à partida para este duelo.

VAVEL Logo