Suécia x Portugal  e
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match

22:08. E é assim, final de História feliz para todos os portugueses, que terão a oportunidade de ver a sua Selecção em mais um Mundial, e desta vez em terreno amigo, no Brasil. Nós cá estaremos para acompanhar o percurso da equipa comandada por Paulo Bento. Resta-nos agradecer por ter acompanhado, connosco, esta partida emocionante e por ter preferido a companhia de VAVEL Portugal. Até à próxima!

22:03. Portugal fez na globalidade um jogo francamente positivo e entregou-se ao máximo ao encontro, empregando-lhe o ritmo e a estratégia que mais favoreciam os seus interesses. Destaque óbvio para Cristiano Ronaldo, mas também para João Moutinho, Raul Meireles, Nani e até Hugo Almeida. Nota também para a estreia de William Carvalho.

21:55. A equipa portuguesa dominou praticamente todo o encontro e o primeiro golo de Ronaldo, aos 50 minutos, chegou com toda a naturalidade. Mas como em outros encontros da fase de qualificação, o síndrome do adormecimento voltou a afectar a formação nacional que acabaria por sofrer 2 golos de bola parada por meio do inevitável Ibrahimovic. Mesmo que ainda em vantagem na eliminatória, seria a persistência da equipa e o génio de Cristiano Ronaldo a afastar todos os fantasmas e a pôr justiça no marcador, com o madeirense a responder ao avançado do PSG e a marcar também ele dois golos de forma consecutiva, completando o hat-trick que leva Portugal ao Brasil, em 2014.

21:49. Portugal carimba a passagem ao Mundial de 2014 de forma categórica e com um inigualável Cristiano Ronaldo a carregar a equipa das Quinas às costas. O avançado do Real Madrid teve uma noite diabólica e realizou uma exibição espectacular, fazendo um hat-trick que fica para a História da Selecção Nacional. CR7 vai já em 47 golos e é, a par de Pedro Pauleta, o melhor marcador de sempre da Equipa de todos nós.

SUÉCIA 2 - 3 PORTUGAL

APITO FINAL

91'. Outra vez Ronaldo! Foge aos dois centrais suecos, remata, e é por milímetros que a bola não entra na baliza de Isaksson.

90'. Howard Webb dá 5 minutos de compensação.

89'. SUBSTITUIÇÃO NA EQUIPA DA SUÉCIA: Sai Larsson, entra Gendt.

86'. Ronaldo não pára! Mais um remate perigosíssimo do avançado madeirense.

83'. A equipa sueca parece já não ter forças para reagir. Cruzamento de Olsson e Patrício segura.

81'. SUBSTITUIÇÃO NA EQUIPA DE PORTUGAL: Sai Hugo Almeida, entra Ricardo Costa.

80'. Ronaldo diabólico! Por muito pouco não faz o quarto da noite, num remate que sai ao lado do poste esquerdo de Isaksson.

MONSTRUOSO O CAPITÃO DA SELECÇÃO NACIONAL, A MOSTRAR QUEM MANDA E A SALVAR A SELECÇÃO NACIONAL. O avançado do Real Madrid faz um hat-trick e iguala o recorde de Pedro Pauleta: 47 golos com a camisola das Quinas.

Mais um passe magistral de João Moutinho a decidir outro contra-ataque mortífero dos lusos e a isolar o avançado do Real Madrid, que dribla Isaksson e introduz a bola na baliza do guardião sueco.

78'. GOOOOOOOOOLOOOOO DA EQUIPA DE PORTUGAL! Por Cristiano Ronaldo.

Grande passe de Hugo Almeida a lançar a corrida de Cristiano Ronaldo e o avançado do Real Madrid a fulminar pela terceira vez a baliza de Isaksson.

76'. GOOOOOOOOOLOOOOOO DA EQUIPA DE PORTUGAL! Por Cristiano Ronaldo.

Ibrahimovic marca de forma exemplar um livre directo.

72'. GOOOOOOOOOLOOOO DA EQUIPA DA SUÉCIA! Por Ibrahimovic.

71’. SUBSTITUIÇÃO NA EQUIPA DE PORTUGAL: Sai Raul Meireles, entra William Carvalho.

70'. Cartão amarelo mostrado a Miguel Veloso e livre perigosíssimo para a Suécia.

69'. Cartão amarelo para Kim Kallstrom.

68'. QUE SUSTO! Depois de um lance dentro da pequena área portuguesa, Howard Webb leva o apito à boca e quando já pairava o fantasma de uma grande penalidade na cabeça dos jogadores portugueses o juíz inglês mostra a cartolina amarela a Kim Kallstrom por simulação, As imagens televisivas mostram que a decisão do Webb foi correcta.

Na sequência de um pontapé de canto, Ibrahimovic foge a Bruno Alves e cabeceia para dentro da baliza de Patrício.

67'. GOOOOOOLOOOO DA EQUIPA DA SUÉCIA! Por Zlatan Ibrahimovic.

65'. A equipa sueca está a ser completamente dominada pelo conjunto português, sem conseguir criar qualquer de perigo. Este domínio acontece desde o primeiro minuto do encontro.

62'. Portugal por cima do jogo! Antunes combina com Ronaldo que na pequena área tenta cruzar e acaba por ganhar o pontapé de canto.

61'. Cartão amarelo para Svensson.

59'. Cartão amarelo para Nani.

55'. Remate de longe de Cristiano Ronaldo, mais um de muitos neste encontro.

54'. Cartão amarelo para Martin Olsson.

51'. SUBSTITUIÇÃO NA EQUIPA DE PORTUGAL: sai Fábio Coentrão, entra Antunes. Coentrão volta a ressentir-se dos problemas que afectaram a sua prestação no primeiro tempo.

Moutinho faz um movimento fantástico e isola de forma soberba Cristiano Ronaldo, que de forma explosiva deixa Olsson para trás e avança isolado para a pequena área sueca para disparar com classe, e de pé esquerdo, à baliza de Isaksson, inaugurando o marcador. Vantagem para a Selecção Portuguesa e vida muito difícil para a equipa sueca.

50'. GOOOOOOLOOOOOO DE PORTUGAL! POR CRISTIANO RONALDO.

48'. Melhor oportunidade do encontro para a Suécia! Ibrahimovic foge à defesa portuguesa dentro da pequena área, passa por um, por dois, e depois surge Miguel Veloso a cortar mas para o aparecimento de Larsson que remata e permite uma defesa fantástica de Rui Patrício, com a cara. Enorme o guarda-redes da Selecção Portuguesa neste lance.

46'. Com a entrada do veterano Anders Svensson, Erik Hamrén procura aumentar a capacidade de passe do meio-campo sueco e fortalecer a ligação com o ataque, até agora muito débil.

INÍCIO DA SEGUNDA PARTE

20:47. SUBSTITUIÇÃO NA EQUIPA DA SUÉCIA: Sai Rasmus Elm, entra SVENSSON.

20:46. A Portugal restará ter cabeça fria e aguentar um possível ímpeto dos suecos no início da segunda parte. Pede-se também os avançados portugueses que sejam mais efectivos na hora de rematar à baliza.

20:40. Aparentemente, Fábio Coentrão já deverá ter recuperado dos problemas físicos sentidos no primeiro tempo, uma vez que nesta altura não há nenhum jogador português a realizar exercícios de aquecimento, nem sequer Antunes, que na primeira parte foi chamado por Paulo Bento para precaver a saída do lateral do Real Madrid. Não se vislumbram por isso quaisquer alterações ao intervalo em ambas as equipas.

20:39. A Selecção Portuguesa realizou um bom primeiro tempo no Friends Arena, a conseguir gerir a posse de bola, tal como era sua intenção, e a criar grandes oportunidades de golo. A defesa tem estado em bom plano e o meio-campo tem funcionado na perfeição, com Moutinho e Raul Meireles a recuperarem muitas bolas à equipa sueca. A Suécia não foi capaz de criar lances de relevo neste primeiro tempo e só por uma vez pôs verdadeiramente à prova o guarda-redes Rui Patrício, num remate forte de Kim Kallstrom que o o guardião do Sporting defendeu de forma eficaz. Nota negativa para as oportunidades falhadas por Cristiano Ronaldo em três ocasiões, que se espera que não venham a fazer falta no segundo tempo. Referência ainda para as dificuldades evidenciadas por Hugo Almeida, que a manter-se deverão levar Paulo Bento a promover a entrada de Hélder Postiga.

INTERVALO

45'. Howard Webb concede 1 minuto de tempo de compensação.

44'. Na sequência do pontapé de canto, a defesa portuguesa esquece-se de Ibrahimovic e o avançado do PSG faz um volley de pé direito perigoso à baliza de patrício. A bola sai por cima.

42'. Pontapé de canto para a Suécia.

42'. Outra vez Ronaldo! Nani cruza e o madeirense volta a rematar com perigo, mas ao lado.

41'. Avisa a Suécia! Ibrahimovic ganha uma bola aérea a Miguel Veloso, encosta para Kim Kallstrom e o médio sueco dispara um remate potentíssimo para uma defesa antenta de Rui Patrício.

40'. Novo pontapé de canto para Portugal, que continua a dominar a seu belo prazer o encontro.

37'. Com Elmander caído no relvado, mas sem que Howard Webb mandasse parar o encontro, Cristiano Ronaldo aproveita para abanar a defensiva sueca e cruza para a pequena área onde surge Hugo Almeida, em grande posição, a cabecear de forma deficiente. O ponta-de-lança português podia, e devia, ter feito muito melhor.

36'. Melhor oportunidade do primeiro tempo! João Pereira foge pela direita e cruza de forma perigosa para a pequena área onde aparece Cristiano Ronaldo, uma vez mais, a rematar à baliza sueca. A bola saiu ao lado mas fica mais um aviso da Selecção Portuguesa. Grande oportunidade deste primeiro tempo.

35'. Cristiano Ronaldo ganha de forma brilhante a bola a Anderson, deixa o defesa pelo caminho, e avança para cima da pequena área sueca para desferir um remate perigoso que acaba por ser defendido por Isaksson.

33'. Paulo Bento manda Antunes para o aquecimento, Fábio Coentrão está fora das quatro linhas em dificuldades.

31'. Ronaldo consegue saltar mais alto que os adversários, na sequência do canto de Moutinho, mas não cabeceia de forma certeira à baliza de Isaksson. A bola sai muito por cima.

31'. Segundo pontapé de canto para a Equipa Nacional. João Moutinho vai cobrar.

28'. Em Portugal, e depois do enésimo roubo de bola do meio-campo português, Nani furou pela área e apenas falhou no passe para Cristiano Ronaldo. Se a bola tivesse passado o avançado do Real Madrid estaria isolado e disponível para marcar.

26'. Hugo Almeida volta a chegar atrasado e desperdiça mais um lance criado pelo meio-campo português.

23'. O meio-campo português começa a pautar o ritmo do encontro mas no ataque Hugo Almeida está a ter dificuldade de articulação com os companheiros. Da mesma forma, Nani e Cristiano Ronaldo parecem estar a acusar em demasia a ausência de Postiga, habitual pivot do jogo ofensivo da equipa.

18'. Portugal vai tomando conta da grande área da suécia, sem que o adversário consiga recuperar a bola e criar perigo.

16'. Martin Olssen passa por Nani, ganha espaço e dispara um remate perigoso à baliza de Patrício. Primeira oportunidade para a Suécia.

15'. A Suécia tem procurado atacar preferencialmente pelo corredor esquerdo, através de Kacaniklic, mas sem grande sucesso.

14'. Grande oportunidade para Portugal! Muito perto de inaugurar o marcador. Moutinho cobra de forma exemplar o livre e surge Bruno Alves a cabecer para o canto direto da baliza de Isaksson, que faz uma grande defesa e impede Portugal de inaugurar o marcador.

13'. Entrada duríssima do extremo kacaniklic sobre Raul Meireles. Howard Webb deixa o cartão no bolso. Livre para Portugal.

12'. Hugo Almeida perde a segunda bola consecutiva, dificultando a ligação da equipa ao ataque.

11. Muita luta a meio-campo até ao momento. Os médios portugueses têm conseguido controlar as investidas dos suecos, até agora.

10'. Nenhuma oportunidade de golo nestes primeiros 10 minutos.

5'. A Suécia recupera bola, lança-se para o ataque e Elmander procura desmarcar Kacaniklic no corredor esquerdo, só que o extremo chega demasiado tarde.

4'. A equipa portuguesa começa o encontro a tentar trocar a bola com paciência e estancar o entusiasmo dos suecos, e é nesta altura vaiada a alto e bom som pelos milhares de adeptos da equipa da casa.

4.' Nani ganha a bola a meio-campo e tem grande oportunidade de lançar o contra-ataque, com Ronaldo bem isolado, mas a equipa portuguesa acaba por perder a bola.

3'. Falta de Moutinho a meio-campo sobre Olsson, a primeira do conjunto português.

2'. Jogada estudada e remate muito ao lado de Elmander.

1'. Primeiro pontapé de canto do encontro, para a Suécia. Ganhou-o Larsson.

0'. Começa a partida, sai Portugal com o esférico!

APITO INICIAL

19:45. Os jogadores cumprimentam-se agora e trocam galhardetes. A partida vai começar dentro de instantes.

19:43. Ouviu-se agora o Hino Nacional da Suécia. Grande ambiente, num estádio repleto!

19:42. A entrada de Hugo Almeida para o onze explica-se pela tal diferença de alturas dos jogadores das duas equipas. Almeida, um avançado possante e forte fisicamente, poderá fazer valer-se do seu físico para enfrentar Antonsson e Per Nilsson. Pelo menos na estampa física ganha claramente a Hélder Postiga.

19:41. As equipas já entraram no relvado e no Friends Arena já se ouve "A Portuguesa"!

EQUIPA INICIAL DE PORTUGAL: Rui Patrício, João Pereira, Pepe, Bruno Alves, Fábio Coentrão, Miguel Veloso, João Moutinho, Raul Meireles, Nani, Cristiano Ronaldo e Hugo Almeida.

Suplentes: Beto, Eduardo, Ricardo Costa, Luís Neto, André Almeida, Antunes, William Carvalho, Josué, Rúben Micael, Varela, Hélder Postiga e Éder

EQUIPA INICIAL DA SUÉCIA: Andreas Isaksson, Mikael Lustig, Per Nilsson, Mikael Antonsson, Martin Olsso, Alexander Kacaniklic, Rasmus Elm, kim Kallstrom, Sebastian Larsson, Johan Elmander e Zlatan Ibrahimovic.

Suplentes: Wiland, Granqvist, Nordfeldt, P. Bengtsson, Durmaz, Toivonen, Jonas Olsson, Gerndt, Svensson e Zengin.

19.30. Já temos onze oficiais! Única surpresa no onze português: Hugo Almeida ocupa o lugar de Postiga e joga na frente de ataque.

19:18. Em resumo, Portugal tem esta noite uma oportunidade de ouro para garantir o passaporte para o Mundial 2014, que se realiza no Brasil. Depois da vantagem (1-0)conseguida no Estádio da Luz, no jogo da primeira mão, hoje basta um empate à formação portuguesa para seguir em frente. O encontro inicia-se dentro de momentos, às 19h45, no Estádio Friends Arena, em Estocolmo. Para além da equipa sueca, os jogadores portugueses terão de enfrentar os cerca de 50 mil suecos que estarão nas bancadas e o muito frio que se faz sentir na cidade de Estocolmo, com cerca de -1 grau negativos. Para ajudar vão estar cerca de 1200 portuguesas a apoiar a «Equipa de todos nós».

19.10. O encontro desta noite será arbitrado pelo inglês Howard Webb, juíz que parece ter agradado aos suecos que consideram que desta forma a sua equipa talvez possa jogar "um pouco mais duro", tal como afirmou Sebastien Larsson. Declarações a que Paulo Bento, ontem à noite, não deixou passar em claro, respondendo desta forma: «Não acredito que o Howard Webb, por exemplo, deixasse passar a situação que o árbitro no jogo em Portugal deixou passar do Elmander [simulação do avançado sueco]».

18:54. De Portugal, conforme já referimos, espera-se o habitual 4-3-3 com Nani e Ronaldo nos flancos e Postiga na frente. Um meio-campo de rotação composto por Miguel Veloso, mais recuado, e João Moutinho e Raul Meireles, os três a assentarem o seu jogo numa forte pressão e rápida recuperação de bola. Na defesa a habitual profunidade conferida pelos laterais João Pereira e Fábio Coentrão e a solidez posicional e aérea de Pepe e Bruno Alves. Rui Patrício mantém o seu posto intocável e procurará repetir defesas decisivias como a que fez na partida da primeira mão, na Luz.

18:50. No que toca à Suécia não teremos de esperar até perto do apito inicial para perceber se as intenções anunciadas por Erik Hamrén são ou não verdadeiras, já que esta manhã a Federação Sueca anunciou o onze que jogará esta noite contra Portugal e que é o mesmo que iniciou a partida disputada no Estádio da Luz na última sexta-feira. Um 4-4-2 clássico, com um meio-campo em linha, onde os extremos Larsson e Kacaniklic vão tentar criar desequilíbrios e servir os dois pontas-de-lança lá na frente, Elmander e Ibrahimovic. Dentro de momentos confirmaremos os onzes oficiais.

18.44. Hamrén garante que os seus jogadores aprenderam a lição levada na Luz e diz que desta vez a sua equipa vai ter de ser mais objectiva quando tiver a posse de bola: «É verdade que temos de marcar. Eles podem gerir mais o resultado, por isso é uma clara vantagem. Portugal tem uma boa euqipa, com individualidades que podem decidir o jogo e por isso não podemos partir de forma desenfreada para o ataque desde o início do encontro, pois eles podem punir-nos. (...) Em Lisboa defendemos, mas temos de fazer melhor quando tivermos a bola. Se o fizermos estaremos mais próximos de marcar".

18:40. No lado da equipa da casa Erik Hamrén, Seleccionador da Suécia, admite a vantagem de Portugal no «play-off» mas acredita no apuramento para o Mundial...nem que seja através de grandes penalidades: «Sim, treinámos [a marcação de grandes penalidades]. Os jogadores que costumam marcá-las não precisam de mais treino, mas os que não costumam fazer treinaram-nas. Portanto, sabem como deverão correr para bola...mas é, acima de tudo, uma questão mental», afirmou.

18:30. A altura dos jogadores suecos é de facto uma das grandes preocupações do Seleccionador Nacional. Tirando Pepe, Bruno Alves e Cristiano Ronaldo, a Selecção Portuguesa é essencialmente composta por jogadores baixos que contrastam com a imponência física dos atletas nórdicos. Porém, a técnica dos portugues é manifestamente superior, pelo que se espera que a «equipa das Quinas» consiga fazer prevalecer este ítem na disputa do encontro.

18:10. Consciente do poderio dos suecos a jogar no seu reduto, e do forte desejo de não voltar a falhar um Mundial, o treinador da «equipa das Quinas» sabe que Portugal não pode entrar no Friends Arena apenas com o único intuito de defender. Essa estratégia não está, aliás, no ADN da Selecção Portuguesa, mas não podendo ter a pretensão de dominar todo o encontro, nem de defender a sua baliza com onze homens durante 90 minutos, que estratégia deve adoptar Portugal para chegar ao Mundial? «Se formos só para defender, é um risco. Quanto mais perto da nossa área, mais perigoso se torna o adversário. É uma equipa com jogadores do ponto de vista físico fortes no jogo aéreo e sabemos que, nalguns momentos, teremos de estar na nossa zona defensiva. Queremos manter a bola longe da nossa área e, para isso, temos de ter a bola, saber o que fazer com ela, tentar estar perto da baliza adversária e marcar para tentar vencer o jogo», lançou o técnico nacional.

18:00. Paulo Bento pareceu aliás ser bastante elucidativo no que concerne a esta questão, dando a entender que não fará qualquer alteração no onze: «Amanhã veremos. Parece evidente que nem nós esperamos grandes alterações na Suécia, nem a Suécia estará à espera de grandes alterações na nossa equipa», afirmou o Seleccionador Nacional na conferência de imprensa de antevisão do encontro, ontem à noite.

17:45. A supremacia portuguesa na zona intermediária e ao nível da troca de bola foi por demais evidente, como comprovam as estatísticas da partida da Luz (Fonte: Socerway.com), mas a verdade é que em termos de remates enquadrados verificamos que a disparidade não foi assim tão alta, o que demonstra a segurança defensiva evidenciada pelos suecos, por um lado, e a sua capacidade de criar perigo e criar ocasiões de golo. Esta noite Pepe e Bruno Alves (imperial na passada sexta-feira) deverão mostrar o mesmo nível de assertividade revelada no jogo da primeira mão, ao mesmo tempo que osalas deverão obrigatoriamente de ser letais nas oportunidades de contra-ataque.

17:35. Para a partida desta noite não são de prever grandes alterações, senão nenhuma, no onze escolhido por Paulo Bento. Perante o maior pendor ofensivo dos suecos, a jogar em casa, existe a possibilidade do Seleccionador Nacional promover a estreia de William Carvalho no vértice mais recuado do meio-campo, uma hipótese que no entanto tem o seu "quê" de remota tendo em conta o carácter decisivo da partida e a inexperiência do jovem médio do Sporting. Depois há ainda que ter em consideração o número de jogos efectuados por Miguel Veloso, e ainda a sua assistência para o golo de Ronaldo na partida da passada sexta-feira.

17:10. Este é então o terceiro «play-off» disputado por Portugal, depois de duas fases de qualificação em que não conseguiu alcançar a liderança dos seus grupos. Das duas últimas vezes, levou de vencida a Bósnia-Herzegovina, resultado que espera repetir esta noite contra os suecos.

16:55. Quanto à experiência de participação em Mundiais, também se verifica uma clara ascendência dos suecos, que têm no seu registo 11 participações contra 5 dos portugueses. No entanto, caso consiga o apuramento, este será o quarto Mundial consecutivo para Portugal, já rodado nestas provas internacionais, enquanto que a Suécia, em caso de eventual fracasso esta noite, aumenta para 8 o número de anos de ausência na competição; o mesmo é dizer que este pode ser o segundo Mundial consecutivo em que a Suécia falha o apuramento.

16:45. No primeiro encontro deste «play-off», realizado no Estádio da Luz, Portugal encarou a partida com muitas cautelas. Perante uma Suécia muito focada na protecção da sua baliza e no jogo defensivo, a equipa de Paulo Bento foi atacando pela certa e numa jogada de insistência acabaria por chegar ao golo aos 81 minutos, através do inevitável Cristiano Ronaldo. Depois de um cruzamento milimétrico de Miguel Veloso, Ronaldo conseguiu fugir aos defesas suecos e cabecear o esférico para dentro da baliza de Isaksson, levando à loucura os mais de 60 mil espectadores presentes no Estádio da Luz.

.

16:40. Voltando ao despique entre Ronaldo e Ibrahimovic, jogadores sobre os quais estarão centradas todas as atenções, é interessante verificar que os dois se encontram em vias de fazer História pelas suas selecções: tanto o avançado do Real Madrid como o ponta-de-lança do PSG estão a apenas 3 golos de igualar o recorde de golos marcados por um só jogador ao serviço de Portugal e da Suécia. CR7 tem 44 golos marcados e precisa de marcar 3 para igualar os 47 de Pauleta; enquanto que Ibra tem 46 e precisa de marcar 3 para igualar os 49 de Sven Rydell.

16:30. No histórico de confrontos entre as duas equipas, a superioridade é claramente marcada pelos suecos, com uma percentagem de 37.5 % de vitórias contra 25 % de triunfos lusos. Na última vez que se tinham encontrado, na fase de qualificação para o Mundial de 2010, os Portugueses garantiram um importante empate que acabaria por afastar definitivamente os suecos da prova, conquistando a segunda posição do Grupo 1 com 19 pontos, mais 1 do que a Suécia. Portugal, juntamente com a Dinamarca (líder do grupo), acabaria por chegar mesmo ao Mundial disputado na África do Sul.

16:21. Recordando o início da História, Suécia e Portugal voltaram a encontrar-se desta vez no play-off de acesso ao Mundial. As duas equipas não conseguiram garantir a primeira posição dos respectivos grupos (C e F), e dessa forma acabariam por se cruzar nesta segunda oportunidade de chegar ao Brasil. As duas formações têm, aliás, percursos muito idênticos na fase de qualificação: os suecos conquistaram 20 pontos em 10 jogos, fruto de 6 vitórias, 2 empates e 2 derrotas; e os portugueses chegaram aos 21, resultado de 6 vitórias, 3 empates e apenas 1 derrota. Os grupos C e F acabaram por ser conquistados por Alemanha e Rússia e agora só há vaga para uma formação.

16:20. O duelo de hoje fica também incontornavelmente marcado por nova disputa entre Zlatan Ibrahimovic e Cristiano Ronaldo, as estrelas de ambas as equipas. Se no jogo da primeira mão foi Cristiano Ronaldo a brilhar , desta vez é Ibrahimovic a ter oportunidade de reclamar um lugar de destaque neste play-off. Quem fará a diferença esta noite?

16:10. A partir das 19h45, é neste palco que se decidirá o destino luso. O Friends Arena conta com cerca de um ano de vida e é já considerado "talismã" para a equipa da casa e para o seu principal goleador. Ainda assim, neste novo recinto, a Suécia já aqui perdeu por duas vezes, contra Alemanha e Argentina, pelo que hoje pode muito bem ser a vez de Portugal silenciar as cerca de 50.000 pessoas que vão estar a torcer pela equipa da casa.

16:00. Muito boa tarde, seja bem-vindo à transmissão VAVEL do Suécia x Portugal, o jogo da segunda mão do play-off para o Mundial 2014 que pode carimbar o passaporte da Equipa Nacional para o Brasil. Depois da vitória portuguesa na última sexta-feira (1-0), um empate pode bastar aos comandados de Paulo Bento para conseguir o tão desejado objectivo. É o tudo ou nada para a "Equipa das Quinas", fique desse lado!

VAVEL Logo