Líder isolado: Desafio número um
Duarte e Capel protagonizarão um dos duelos desta noite, entre um Sporting que se quer manter isolado na frente e um Belenenses a precisar de agarrar todos os pontos para fugir à despromoção.

Líder isolado: Desafio número um

O Sporting entra na 13ª jornada como líder isolado da Liga ZON Sagres. Recebendo o Belenenses, os «leões», que este fim-de-semana jogam primeiro do que Benfica e Porto, procuram conservar a liderança e a distância face aos seus principais rivais. A equipa do Restelo tentará roubar pontos ao clube de Alvalade, como já o fez, esta época, a «águias» e «dragões». (Foto: Record)

bruno-gomes
Bruno Gomes

O primeiro teste ao novo líder é já este sábado. Em Alvalade, o Sporting recebe o Belenenses, que este ano ainda não perdeu com os grandes. Depois de se isolar no primeiro posto da Liga, a equipa de Leonardo Jardim recebe esta jornada o Belenenses em busca de dilatar – ainda que provisoriamente – o fosso para FC Porto e Benfica.

Primeiro teste ao líder

A euforia em Alvalade é grande: há 32 anos que o Sporting não chegava à liderança da Liga à 12ª jornada e há 9 que não era líder isolado do campeonato. Nas próximas duas jornadas, os comandados de Jardim actuam em Alvalade e vão querer aproveitar o factor casa para se cimentarem na primeira posição. Nesta jornada, os leões são os primeiros dos três grandes a entrar em campo, e, em caso de vitória, podem aumentar para cinco pontos a vantagem sobre os eternos rivais. Leonardo Jardim deixou de fora Diogo Salomão e voltou a chamar Carlos Mané, que na última semana actou pela equipa B. Piris, que também rodou na equipa secundária, continua fora das opções do treinador madeirense. Durante a semana, Maurício trabalhou com limitações mas Leonardo Jardim garantiu que o brasileiro estará apto para defrontar os azuis do Restelo. Prevê-se uma boa casa em Alvalade para acolher um derby entre dois históricos do futebol português.

Leonardo Jardim voltou a retirou a pressão dos seus jogadores e alertou para os problemas que o Belenenses tem causado aos grandes: «Já disse mais do que uma vez que o Sporting não trabalha em cima da classificação. Temos um projecto a médio prazo com objetivos bem claros. Não creio que a classificação possa levar a oscilações de rendimento. Quem trabalha no Sporting, independentemente de estar no 1.º, 2.º ou 3.º lugar, tem de ter sempre o máximo de responsabilidade. Não temos agora mais responsabilidade do que há um mês. Temos o máximo respeito pelo Belenenses, mas em nossa casa queremos vencer e dar continuidade às vitórias. Estamos alertados que esta equipa já roubou dois pontos ao FC Porto e ao Benfica.»

Não há duas sem três

De regresso ao principal escalão do futebol nacional, o histórico Belenenses vai a Alvalade em buscar de manter a invencibilidade frente aos grandes – empatou na Luz e na recepção ao Porto – e de somar pontos na fuga à despromoção.

A equipa que cedo se viu privada, por motivos de saúde, do treinador Mitchel van der Gaag, tem reagido bem ao mau início de época e sob o comando do ex-jogador Marco Paulo está neste momento no 13º posto. Apesar de não estar nos lugares de despromoção, os azuis estão apenas a dois pontos da linha de água e qualquer ponto é precioso. Para o derby lisboeta, Marco Paulo conta com quatro atletas da formação leonina, prontos a surpreender o ex-clube: Rafael Veloso, Fernando Ferreira, Duarte Machado e João Afonso. Do lado leonino, apenas André Martins, com uma breve passagem, vestiu a camisola do emblema da cruz de cristo.

Baixa certa na equipa do Restelo é Miguel Rosa. Ainda não é desta que o médio ofensivo ultrapassa os problemas físicos e volta a ser opção. O grande destaque na convocatória de Marco Paulo é o regresso, após cumprir suspensão, de Fredy. Uma das curiosidades da partida é o facto de Diawara poder cumprir em Alvalade a sua 100ª partida na Liga.

O guardião Matt Jones foi o porta-voz da ambição do Belenenes: «O Sporting está em primeiro lugar no campeonato com mérito, mas estamos preparados para um jogo difícil. Vamos a Alvalade com confiança. Nos últimos oito jogos sofremos apenas três golos, o que é bom e que mostra que lá atrás somos um bloco forte. Mas não vamos lá para defender, vamos entrar no jogo para ganhar».

Onze provável do Sporting:

Onze provável do Belenenses:

VAVEL Logo