Caetano troca o Paços pelo Gil Vicente
Caetano sorri perante o seu novo desafio (Foto: Luis Vieira)

Caetano, extremo irrequieto que vestia de amarelo, foi ontem apresentado como reforço do Gil Vicente, oitavo classificado do campeonato português. O jogador, de apenas 22 anos, deixou o Paços de Ferreira, clube onde militava desde a época de 2010/2011, para se juntar ao clube de Barcelos, depois de ter chegado a acordo com o clube da Mata Real quanto à desvinculação contratual. Caetano chega assim a custo zero ao Gil Vicente, figurando como uma sonante contratação de Inverno, abrindo ainda mais o leque de opções do treinador João de Deus no que às alas diz respeito. Caetano terá a concorrência de Avto e Diogo Viana, mas também a certeza de que, em Barcelos, terá maiores probabilidades de actuar - desde que Henrique Calisto tomou conta dos «castores» que o pequeno extremo não gozava da titularidade regular.

Ponto final na ligação com o Paços

Depois de três épocas e meia em representação do Paços de Ferreira, Caetano deixa o clube que o viu dar os primeiros passos no futebol sénior, para agora embarcar numa nova aventura que lhe permita sonhar com novos voos. Natural de Paredes e formado nas escolas do FC Porto, Caetano espera ganhar maior protagonismo na equipa gilista. O jogador, que teve um início de época prometedor, abandona um débil e derrotado Paços, que atravessa um deserto de vitórias. O franzino extremo alinhou  por 15 vezes com camisola do Paços nesta época, marcando um golo - a vinda de Calisto atirou, progressivamente, Caetano para o banco de suplentes.

«Atitude, empenho e determinação»

Na cerimónia de apresentação ao clube gilista, Caetano não poderia estar mais feliz: «Achei por bem dar um novo rumo à minha carreira, e perante esteve convite do Gil Vicente, nem hesitei», atirou o jogador, sorridente por ter consumado a mudança para Barcelos. Na retina ficou a promessa feita aos adeptos do clube: «Com muita atitude, empenho e determinação, vou dar tudo pelo Gil Vicente», afirmou. O extremo português assinou por um ano e meio e terá de esperar pelo regresso da Liga Zon Sagres para se estrear pelos gilistas, já que ainda não será convocado para o jogo de hoje frente ao Benfica.

VAVEL Logo