Salvador Agra é a contratação sonante da Briosa
Salvador Agra aperta a mão ao presidente da Briosa (Foto: Tiago Almeida)

Salvador Agra é a contratação sonante da Briosa

O pequeno extremo de 22 anos, que desiludiu na passagem pelo SC Braga, foi ontem oficializado enquanto reforço da Académica, chegando ao clube de Coimbra através de um empréstimo que teve luz verde do clube que detém o seu passe, o Bétis. Agra tentará, nesta segunda metade da época, reavivar a carreira e somar minutos na condição de titular. A ele juntam-se Moussa e Rafael Lopes, as outras contratações de Inverno da Briosa.

vavel
VAVEL

A Académica garantiu ontem os serviços do extremo rápido Salvador Agra, cujo passe é propriedade dos sevilhanos do Bétis. O jogador de 22 anos, que iniciou a época no SC Braga por empréstimo dos espanhóis, sai assim dos arsenalistas para se juntar ao plantel da Briosa, orientado por Sérgio Conceição. Agra esteve pouco em voga no clube minhoto, encarando assim a transferência para os «estudantes» como uma forma de emergir do marasmo exibicional que o tem acompanhado nos últimos meses: na Briosa, Salvador Agra deverá gozar de um estatuto de titularidade do qual nunca beneficiou aquando da sua estadia no Braga, onde raramente foi opção primordial para o técnico Jesualdo Ferreira. O jovem extremo, natural de Vila do Conde, poderá calçar as chuteiras já no próximo jogo oficial da Académica, frente ao Gil Vicente.

De empréstimo em empréstimo

Salvador Agra não é estranho a empréstimos: a sua mudança para a Académica é, nada mais nada menos, que a sua terceira transferência a título temporário, desde que foi contratado pelos espanhóis do Bétis. Depois de passagens pelo Siena de Itália e pelo SC Braga, Agra volta agora a ser emprestado pelo clube que detém o seu passe, na tentativa de finalmente mostrar as qualidades que despertaram o interesse do clube de Sevilha. Recrutado ao Olhanense em 2012, o extremo realizou 23 partidas na época 2012/2013, 14 pelo clube espanhol e 9 pelo Siena, tendo apontado um golo, na Liga BBVA. Emprestado ao Braga no início desta época, Agra apenas realizou três partidas na condição de titular, facto que o levou a trocar os «guerreiros do Minho» pelos «estudantes». 

Moussa e Rafael Lopes também são reforços

A Salvador Agra juntam-se Moussa Gueye e Rafael Lopes, reforços de Inverno que aumentam o leque de opções do treinador Sérgio Conceição. O sector avançado da Académica recebe assim mais dois jogadores que poderão dar à equipa a potência desejada para a linha ofensiva: Moussa, avançado de 24 anos, vem dos franceses do Metz mediante contrato de empréstimo (até ao final da época) e pretende reacender a chama do golo, enquanto que o português Rafael Lopes, igualmente avançado, adicionará pujança ao ataque da Briosa. A realizar uma temporada magnífica, Lopes aguçou a cobiça da Académica, depois de, na presente época, ter marcado 14 golos em todas as competições. O jogador, contratado ao Penafiel, ficará ligado à Académica até 2016.

VAVEL Logo