O Adeus de Zanetti

A carreira de Javier Zanetti é longa mas bastante regular: após ter sido rejeitado pelo Indepediente, foi jogador do Talleres, na Argentina, onde deu o salto da formação para a competição. Após uma temporada transferiu-se para Banfield onde esteve até 1995. É neste ano que o argentino vem para Itália, representar as cores do Internazionale, clube onde cresceu, evoluiu e onde irá terminar a sua longa e grandiosa carreira.

Zanetti transferiu-se para Itália com 22 anos e terminará a carreira este ano, quase 20 anos depois. O internacional argentino vestiu a camisola do clube em 858 jogos nos quais marcou 20 golos e arrecadou um total de 16 títulos: 5 Ligas Italianas, 4 Tim Cup, 4 Supertaças Italianas, a nível nacional e um Campeonato do Mundo de Clubes, uma Liga dos Campeões e uma Liga Europa, a nível internacional.

O jogador representou o seu país por 113 vezes, marcando 4 golos. Zanetti fez parte da equipa que foi vice-campeã dos Jogos Olímpicos de 1996, em Atlanta. Com o jogador venceram os Jogos Pan-Americanos em 1995 e alcançaram ainda a final da Taça das Confederações em 2005.

O argentino tem mais de mil jogos como profissional de futebol, o ano passado sofreu uma lesão grave no tendão de Aquiles mas quis provar que conseguia voltar aos relvados e mostrar a sua qualidade enquanto jogador, desta forma, Zanetti recuperou e representou o Inter em mais uma época.

O argentino terminará agora a sua carreira aos 40 anos de idade, Zanetti revelou-o à imprensa mas não deixou de afirmar que vai ficar nostálgico: «Quando sair do campo do Chievo Verona, na última jornada, de certeza que a minha carreira me passará pela mente como um filme. A minha mãe, o meu pai, a minha mulher, os meus três filhos, os amigos que me apoiaram todo este tempo. Uff, como vou quebrar.»

No Inter Milão será sempre uma lenda, brilhante e com momentos de um futebol ao mais alto nível, uma magia inqualificável que perdurará para sempre na memória dos que o viram jogar e nunca esquecerão o nome Zanetti e a sua relevância no futebol italiano e mundial. O jogador não vai abandonar o clube e ficará como director desportivo em funções no Internazionale.

VAVEL Logo